Fechar

logo

Fechar

Pequenos negócios geram 3,5 mil vagas de emprego na PB

Da Redação com Ascom. Publicado em 11 de janeiro de 2021 às 14:42.

Foto: Pixabay

Foto: Pixabay

As micro e pequenas empresas da Paraíba registraram, em novembro do ano passado, 3.575 em saldo líquido de empregos gerados, resultante de 7.886 admissões e 4.311 demissões efetivadas no período.

Considerando o acumulado do ano, ou seja, de janeiro a novembro de 2020, os pequenos negócios paraibanos geraram 5.038 vagas de trabalho, enquanto as médias e grandes empresas tiveram saldo negativo, com 378 vagas fechadas.

Os dados são de levantamento feito pelo Sebrae Paraíba, com informações do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), do Ministério da Economia.

Em novembro do ano passado, as médias e grandes empresas (MGE) apresentaram saldo positivo na geração de empregos com carteira assinada. Ao todo, foram 6.589 vagas criadas, superando os empregos gerados pelas MPE no período.

Considerando, também, a administração pública e as pessoas que não têm CNPJ, mas possuem empregados, foram gerados 10.178 postos de trabalho na Paraíba em novembro de 2020. No acumulado do ano passado, foram criados 4.263 empregos no estado.

Por setor, o mês de novembro do ano passado apresentou crescimento no saldo de emprego nos serviços (4.421), na construção civil (2.861), no comércio (2.128) e na indústria da transformação (804).

Já em relação aos setores que fecharam postos de trabalho no estado, estão: serviços industriais de utilidade pública (-23), agropecuária (-11), administração pública (-1) e extrativa mineral (-1).

Na avaliação do analista do Sebrae Paraíba, Ismael Nóbrega, o aumento no estoque de empregos em 2020 demonstra que as empresas não esperaram pelas medidas emergenciais anunciadas pelo Governo Federal.

“As empresas tiveram de se adaptar e enxergaram algumas oportunidades, bem como abriram novos modelos de negócio ou mudaram os modelos antigos. Vemos as contratações como reflexo de novas oportunidades, com abertura de novos postos e perfis, principalmente nos setores do comércio, serviços e construção civil. Os números mostram não uma reação a uma retomada da economia, já que sabemos que ela está cercada de incertezas, mas, sim, uma forma de enxergar que os empresários não ficaram parados e reagiram de forma imediata a uma situação da economia”, analisou.

Brasil – Em novembro do ano passado, as micro e pequenas empresas criaram 294.854 mil postos de trabalho em todo o Brasil, enquanto as médias e grandes registraram, no mesmo período, a abertura de 123.520 vagas de emprego formal.

No acumulado do ano, conforme o levantamento do Sebrae, o saldo total de empregos gerados foi de 227.025 no país.

Além disso, de janeiro a novembro de 2020, as MPE geraram 257.505 postos de trabalho em todo o Brasil.

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube