Fechar

logo

Fechar

Energisa Borborema investe milhões em melhorias e ampliação na rede

Ascom. Publicado em 6 de janeiro de 2021 às 19:47.

Foto: Ascom

Foto: Ascom

Quase oitenta milhões de reais. Esse foi o montante investido pela Energia Borborema em obras de modernização de sistemas em, apenas, cinco anos.

As obras contemplam a ampliação de subestações, construção de Linhas de Distribuição, além da instalação de equipamentos nas redes elétricas de Campina Grande, Lagoa Seca, Queimadas, Fagundes, Boa Vista e Massaranduba.

Entre 2015 e 2020, foram investidos quase R$ 25 milhões em reformas de manutenção e instalação de disjuntores das subestações Campina Grande I e Bela Vista. Juntas, as reformas beneficiaram mais de 82 mil residências.

Os investimentos incluem, ainda, obras no sistema de distribuição das subestações Alto Branco, Boa Vista, Campina Grande II, Aeroclube e Queimadas, que possibilitaram o aumento da capacidade, qualidade e confiabilidade da energia ofertada para mais de 120 mil clientes.

Nesse período, também foi construída a Subestação Borborema, em Campina Grande, com investimentos de cerca de R$ 26 milhões. A subestação atende à demanda crescente do mercado de construção civil, garantindo o suprimento de energia elétrica para cerca de 165 mil residências do porte médio de Campina Grande.

Entre 2016 e 2020, foram investidos, ainda, R$ 6 milhões em combate ao desvio de energia, e mais de R$ 28 milhões em ligação de novos clientes.

“A prioridade da Energisa é oferecer um serviço cada vez melhor aos clientes, com a garantia de energia de qualidade e segura. Por isso, os investimentos são permanentes e o trabalho, incessante”, destacou o presidente da Energisa Paraíba e Energisa Borborema, Marcio Zidan.

Além de melhorar consideravelmente a rotina dos moradores, as obras oferecem estrutura elétrica para a instalação de novos empreendimentos e, consequentemente, fortalecimento do desenvolvimento econômico da região e mais geração de empregos.

Mais qualidade e menor tarifa

Mesmo com investimentos permanentes em obras de manutenção e ampliação de redes de distribuição, a Energisa Borborema possui a menor tarifa de energia do Brasil, de R$ 0,498 por KWh.

Segundo o ranking da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), que inclui 53 concessionárias do país, a tarifa residencial da EBO ainda é inferior à média nacional, que é de R$ 0,575 KWh.

Também de acordo com a Aneel, os indicadores que medem a qualidade do serviço da Energisa Borborema, e apontam a quantidade de horas e frequência que os clientes ficam sem luz, estão ficando abaixo do limite determinado pelo órgão.

O resultado coloca a Energisa Borborema como a segunda melhor concessionária do País, em termos de qualidade e desempenho em continuidade dos serviços prestados, entre todas as empresas com até 400 mil unidades consumidoras.

A Energisa Borborema também está entre as empresas reconhecidas pelo Prêmio Abradee, entregue pela Associação Brasileira de Distribuidoras de Energia Elétrica. O Índice de Satisfação com a Qualidade Percebida (ISQP) da Energisa Borborema passou de 78,2 para 86,7, um crescimento de 8,4 pontos em relação a 2019.

Realizado desde 1999, o Prêmio Abradee avalia o desempenho das empresas por meio de entrevistas com clientes, levando em consideração cinco áreas de qualidade: fornecimento de energia, informação e comunicação com o consumidor, conta de luz, atendimento ao consumidor e imagem da distribuidora.

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube