Fechar

logo

Fechar

CMJP elege Mesas Diretoras para os próximos biênios

Ascom. Publicado em 2 de janeiro de 2021 às 18:05.

A Câmara Municipal de João Pessoa (CMJP) elegeu, na tarde desta sexta-feira (1º), as Mesas Diretoras que vão comandar o Legislativo Pessoense nos biênios de 2021-2022 e 2023-2024. As sessões extraordinárias de eleição aconteceram após a solenidade de posse dos vereadores da 18ª legislatura da Casa.

Para o primeiro biênio, foram eleitos: presidente Dinho; primeira vice-presidente Eliza Virgínia (PP); segundo vice-presidente Thiago Lucena (PRTB); primeiro secretário Damásio Franca (PP); segundo secretário Tarcísio Jardim (Patriota); e terceiro secretário Bispo José Luiz (Republicanos). A chapa registrada foi aclamada vencedora de forma unânime pelos parlamentares.

Foto: Ascom

Já para o segundo biênio, foi eleita a chapa única com a seguinte formação: presidente Bruno Farias (Cidadania); vice-presidente Carlão Pelo Bem (Patriota); segundo vice-presidente Bosquinho (PV); primeiro secretário Odon Bezerra (Cidadania); e segundo secretário Zezinho Botafogo (Cidadania). A chapa única foi eleita com 23 votos favoráveis e quatro ausências.

Novo presidente da Casa discursa na tribuna

Depois de declarar empossada a nova Mesa Diretora da Câmara para o primeiro biênio, Durval Ferreira convidou os integrantes para assumirem os trabalhos, seguindo-se a isso o primeiro discurso do vereador Dinho como presidente, na tribuna da Casa.

O chefe do Legislativo Municipal ressaltou que, depois de tanto tempo na Casa Napoleão Laureano, é a primeira vez que discursa emocionado. Dinho saudou os vereadores e a vereadora presente; as autoridades e servidores; e familiares que não puderam estar presentes na solenidade e acompanharam de forma remota.

O saudoso deputado federal Rômulo Gouveia, de quem Dinho foi assessor, mereceu uma menção especial, assim como a vereadora Eva Gouveia, de Campina Grande, por terem testemunhado e estimulado o início da carreira política do atual presidente da Câmara da capital paraibana que discorreu sobre o novo desafio de conduzir o legislativo municipal pessoense.

“A nossa democracia está de pé. E, neste primeiro de janeiro, estamos cumprindo com o nosso papel de corresponder à responsabilidade que o povo da nossa cidade nos confiou através do voto. A Câmara não pode parar, e não vai parar”, ressaltou Dinho, acrescentando que “os desafios que vêm pela frente para todos nós são grandes. O mundo ainda vive uma pandemia que desencadeou novos problemas por toda parte, inclusive, claro, na nossa cidade. Mas estamos aqui para buscar as soluções, e vamos encontrá-las”, assegurou o novo presidente da CMJP.

Dinho afirmou que legislar é conhecer a realidade do povo e melhorar a qualidade de vida das pessoas, independente de classe social, raça, sexualidade e crença religiosa.

“Chego a esse momento da minha trajetória política muito feliz, sabendo que podemos contribuir ainda mais com a construção de uma cidade cada vez melhor para todos”, destacou o presidente enfatizando a busca pelo fortalecimento do Poder Legislativo em sintonia com os vereadores, independente de partidos e bancadas, com o objetivo de trabalhar por uma cidade cada vez mais justa, com igualdade e equidade, oportunidade para todos, emprego e qualidade de vida.

“A nossa união possibilitou o início de um novo tempo na Câmara, onde vamos implementar novas ações e melhorar o desempenho do Poder Legislativo, com uma Casa mais moderna e em sintonia com o povo de João Pessoa. Com equilíbrio, e de forma democrática, vamos todos trilhar os melhores caminhos. Assim, a Casa de Napoleão Laureano vai seguir na direção certa. Afinal, recorrendo a um ditado: “andorinha só não faz verão”, e é junto a vocês que vamos fazer um excelente trabalho”, afirmou.

Eleição da Mesa para o biênio 2023-2024

O plenário ainda aprovou requerimento apresentado pelo vereador Bruno Farias para a abertura de uma nova sessão extraordinária a fim de votar Projeto de Resolução (PR) 01/2021 que dispõs sobre a antecipação da eleição da Mesa Diretora para o biênio 2023-2024. Com a abertura da sessão extraordinária, Thiago Lucena concedeu parecer constitucional favorável ao projeto.

“É uma matéria de ordem interna e de competência privativa desta Casa, pois trata da organização e disciplinamento da CMJP. Assim como o Judiciário tem as jurisprudências, nós temos os precedentes. É um ato legítimo e realizado em várias casas legislativas”, argumentou Thiago Lucena, citando a soberania do Plenário e as antecipações ocorridas na Assembleia Legislativa da Paraíba (AL-PB) e na Câmara Municipal de Campina Grande (CMCG).

Em uma nova sessão extraordinária, os parlamentares elegeram a chapa única para o biênio de 2023-2024 com a seguinte formação: presidente vereador Bruno Farias; vice-presidente Carlão Pelo Bem; segundo vice-presidente Bosquinho; primeiro secretário Odon Bezerra; e segundo secretário Odon Bezerra e terceiro secretário Zezinho Botafogo. A chapa única foi eleita com 23 votos favoráveis e quatro ausências.

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube