Fechar

logo

Fechar

Auxílio emergencial: quase 200 mil pessoas receberão novo lote

Da redação com Folhapress. Publicado em 27 de janeiro de 2021 às 14:34.

Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

ANA PAULA BRANCO
SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) – O Ministério da Cidadania divulgou nesta terça (26) um novo lote de pagamento do auxílio emergencial, criado para combater os efeitos econômicos e sociais da pandemia do novo coronavírus.

De acordo com portaria publicada no “Diário Oficial da União”, 191 mil beneficiários que contestaram a suspensão no site da Dataprev entre 7 e 16 de novembro e entre 13 e 31 de dezembro de 2020 e outras 5.000 pessoas que tiveram os pagamentos reavaliados em janeiro de 2021 receberão o valor nesta quinta (28).

O pagamento das parcelas a que esses beneficiários têm direito será pago de uma única vez. Entre as 196 mil pessoas, 8,3 mil receberão a segunda, a terceira, a quarta e a quinta parcelas do auxílio emergencial.

Outras 40,9 mil pessoas receberão as três últimas parcelas e quase 68,1 mil beneficiários terão direito à quarta e à quinta parcelas. Já 78,3 mil vão receber a quinta parcela. Segundo o Cidadania, serão repassados, no total, R$ 248,6 milhões.

Na quinta-feira, os recursos estarão disponíveis tanto para transferências e pagamentos quanto para saques.

“Ao longo dos meses, o Governo Federal realizou uma série de cruzamentos de diferentes bases de dados para verificar a elegibilidade dos cidadãos ao Auxílio Emergencial. Com isso, evitamos fraudes e garantimos que os recursos chegassem a quem realmente necessitava.

Ao mesmo tempo, criamos canais digitais para permitir que cidadãos que tiveram o benefício suspenso pudessem recorrer, regularizar pendências e ter os repasses reativados, sempre na perspectiva de que ninguém ficaria para trás”, disse Onyx Lorenzoni, ministro da Cidadania.

O auxílio emergencial começou a ser pago em abril de 2020 e, inicialmente, pagou cinco parcelas de R$ 600. Em setembro do ano passado, o benefício foi estendido até 31 de dezembro de 2020, mas com valor de R$ 300. Mães chefes de família tiveram direito à cota dupla.

Segundo o governo federal, o auxílio emergencial foi pago a 68 milhões de cidadãos elegíveis, o que representa 32,2% da população e cerca de 40% das residências, totalizando cerca de R$ 330 bilhões.

Tiveram direito ao benefício trabalhadores informais, MEI (Microempreendedores Individuais), autônomos e desempregados, integrantes do Bolsa Família e cidadãos incluídos no CadÚnico, que cumpriam os critérios sociais e econômicos.

Consulte o seu caso

Os trabalhadores podem consultar a situação do benefício pelo aplicativo do auxílio emergencial ou pelo site auxilio.caixa.gov.br.

Na parte superior da tela, clique em “Acompanhe sua solicitação”.

Preencha os dados solicitados, clique em “Não sou um robô” e, depois, em “Continuar”

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube