Fechar

logo

Fechar

Prefeitável diz que abriu mão de salário de R$ 100 mil e acusa Bolinha de “demagogia”

Da Redação*. Publicado em 5 de novembro de 2020 às 10:01.

Foto: Paraibaonline

Foto: Paraibaonline

O candidato a prefeito de Campina Grande pelo PSOL, Olímpio Rocha, afirmou que abriu mão de um salário de R$ 100 mil, como consultor do escritório da ONU Brasil, para ser candidato a prefeito.

Ele considerou “demagogia e populismo” o registro antecipado feito pelo prefeitável Artur Bolinha (PSL) de abrir mão da remuneração como prefeito, caso seja eleito.

Olímpio desafiou, durante entrevista à Rádio Caturité FM, Bolinha a abrir mão do que já tinha como ele fez.

– É demagogia pura, populismo puro e não tem valor jurídico nenhum – disse.

O candidato ressaltou que está na disputa eleitoral para lutar pelos menos favorecidos como, segundo ele, já faz há vinte anos.

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube