Fechar

logo

Fechar

Candidata da lista tríplice da UFPB revela que Gouveia já sabia que seria o escolhido

Da Redação de João Pessoa (Hacéldama Borba). Publicado em 6 de novembro de 2020 às 7:53.

Foto: Reprodução/rede social

Foto: Reprodução/rede social

A professora Terezinha Domiciano, a primeira da lista tríplice de candidatos escolhidos para reitoria da Universidade Federal da Paraíba, revelou que teria recebido o convite do professor Valdiney Gouveia para compor a chapa de vice dele sob o argumento de que sabia que seria o escolhido pelo presidente da República, Jair Bolsonaro. A nomeação de Gouveia, que foi o menos votado da lista, saiu publicada no DOU desta quinta-feira (5).

Terezinha Domiciano, que obteve no processo de escolha mais de 9 mil votos, enquanto que Gouveia só recebeu 900 votos da comunidade docente, discente e servidores da UFPB, se disse indignada com o ato do presidente.

“Ficamos indignados e ao mesmo tempo surpresos porque representamos o desejo da comunidade universitária. Acho que isso vai atrapalhar a universidade principalmente no que diz respeito à autonomia e à democracia que ficaram feridas nesse momento”, disse.

Segundo ela, não foi justa a escolha e colocou sob suspeita o início da campanha do professor Valdiney Gouveia, que a convidou para compor a chapa, mas que havia recusado porque tinham pontos de vistas diferentes, mas nada contra o profissional da instituição.

“Naquele momento, ele me reportava que a nomeação dele já estava quase certa. Ele me disse que tinha muitas chances, que estava sendo convidado por algumas pessoas para se candidatar porque o nome dele seria o indicado. Poderia ter sido uma força da palavra, mas o fato é que se consumou”, revelou a professora.

O fato é que a nomeação de Valdiney Gouveia gerou muita polêmica e vai haver protesto, em frente à Reitoria, no Campus I de João Pessoa.

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube