Fechar

logo

Fechar

Vereador do PRTB é notificado por contrariar decisão do partido

Da Redação de João Pessoa (Hacéldama Borba). Publicado em 1 de outubro de 2020 às 15:49.

Foto: Ascom

Foto: Ascom

O vereador Thiago Lucena recebeu uma notificação do presidente estadual do PRTB, João Eduardo de Melo, por contrariar a orientação do partido, que decidiu apoiar o candidato a prefeito de João Pessoa pelo Progressistas, Cícero Lucena, uma vez que, o PRTB, abriu mão da candidatura própria a pedido do governador João Azevêdo (Cidadania).

Segundo o presidente, o partido foi tomado de surpresa com o anúncio do apoio do vereador ao candidato Raoni Mendes, que disputa a Prefeitura da Capital pelo Democratas, até porque no dia da convenção do PRTB, Thiago Lucena participou da homologação do apoio ao Progressistas.

“Reunimos a executiva e decidimos notificá-lo para que, no prazo de cinco dias, informe ao partido sobre os motivos dessa infidelidade partidária e o processo será encaminhado à Comissão de Ética, para que se possa tomar as providências necessárias em respeito a todos os nossos candidatos que estiveram presentes na convenção e que, de forma uníssona, fizeram apoio a Cícero Lucena”, disse.

Conforme ainda o presidente, o vereador Thiago Lucena pode ser suspenso, ter o mandato cassado e, em caso de vitória, o mandato poderá ser solicitado pelo partido porque o mandato parlamentar é do partido.

“Nós vamos fazer, em respeito aos nossos candidatos, todo o procedimento necessário para que, reafirmando a infidelidade, ele possa ser suspenso e afastado do partido. O PRTB pode pleitear também a cassação do mandato. Esse processo, após aprovado pelo partido, será encaminhado ao TRE solicitando a cassação, mas isso vai depender do andamento do processo que vamos dar início, após o prazo de cinco dias que o vereador terá para se explicar”, completou.

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube