Fechar

logo

Fechar

Saúde de João Pessoa oferece assistência a usuários que estão acima do peso

Da Redação com Secom/JP. Publicado em 11 de outubro de 2020 às 18:13.

Foto: Secom/JP

Vencer a balança não é uma tarefa fácil e neste domingo (11) é lembrado o Dia Nacional de Prevenção da Obesidade. S

egundo a última pesquisa da Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para Doenças Crônicas por Inquérito Telefônico (Vigitel), publicada em maio deste ano, no Brasil, um a cada cinco adultos a partir de 18 anos são obesos e mais da metade dos adultos das capitais brasileiras (55,4%) está com excesso de peso.

Em João Pessoa, os números são parecidos, com 54,7% dos adultos acima do peso e 20,4% deste mesmo público são considerados obesos.

As pessoas que estão com excesso de peso encontram nos serviços da rede municipal de saúde uma assistência integral e gratuita para combate e prevenção da obesidade.

O atendimento é ofertado na Atenção Básica e Atenção Especializada com a prática de atividades físicas, acompanhamento com nutricionista e exames laboratoriais necessários para saber como estão as taxas bioquímicas.

Os usuários podem se dirigir à sua Unidade de Saúde da Família (USF) de referência, onde serão encaminhados pelo médico para o tratamento, ou podem ser atendidos diretamente em uma das cinco policlínicas municipais, que disponibilizam o atendimento com nutricionistas.

As policlínicas estão localizadas nos bairros de Tambaú, Mandacaru, Jaguaribe, Cristo Redentor e Mangabeira, além da Policlínica Municipal da Pessoa Idosa, em Tambiá, especificamente para este público.

Após as consultas especializadas e a dieta elaborada por um dos nutricionistas da rede, o usuário é encaminhado para a prática de atividades físicas, que são desenvolvidas pelos grupos de apoio das Unidades de Saúde, além das três Academias da Saúde e do Projeto João Pessoa Vida Saudável.

João Pessoa Vida Saudável – O projeto tem como objetivo incentivar hábitos saudáveis, a prática de atividades esportivas e desenvolver ações preventivas para a saúde.

As atividades acontecem em praças e outros espaços públicos espalhados pela Capital. Podem participar pessoas de todas as faixas etárias e os interessados devem comparecer a um dos polos e procurar o profissional de educação física responsável.

As aulas acontecem das 5h30 às 7h30 pela manhã e às 16h30 às 19h à tarde, de segunda a quinta-feira.

A população tem, também, a opção das aulas online, por conta da pandemia da covid-19, já que há um número grande de alunos com mais de 60 anos ou que apresentam comorbidade.

As aulas virtuais são transmitidas pelo perfil no Instagram @jpvs_jp, pela manhã às 8h e à noite às 19h30.

Academias da Saúde – Localizadas nos bairros do Geisel, Colinas do Sul e Ernani Sátiro, as Academias da Saúde contam com uma equipe formada por profissionais de educação física, nutricionistas, fisioterapeutas e psicólogos.

A estrutura conta com espaços multiuso, de vivência e de equipamentos fixos, como barra horizontal, barra paralela, prancha abdominal, barra marinheiro, espaldar e a barra horizontal de apoio. O espaço ainda tem quadra de areia e gramado para realização de atividades externas.

Durante a pandemia do coronavírus, as atividades estão acontecendo de forma reduzida, recebendo oito alunos por turma, com apenas uma turma pela manhã e outra no turno da tarde em cada uma das academias.

Durante as atividades, estão sendo respeitados o distanciamento social e todos os protocolos sanitários.

Sobrepeso e obesidade – Ocorrem quando a ingestão de energia supera o gasto do organismo, o que torna um fator de risco para o desenvolvimento de doenças como hipertensão, doenças cardiovasculares, risco de um Acidente Vascular Cerebral (AVC), diabetes, distúrbios do sistema locomotor e alguns tipos de câncer.

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube