Fechar

logo

Fechar

Prefeitável diz que seguirá orientação de Bolsonaro no segundo turno em JP

Da Redação. Publicado em 8 de outubro de 2020 às 21:13.

Foto: Paraibaonline

Foto: Paraibaonline

O candidato a prefeito de João Pessoa pelo Patriotas, Wallber Virgolino, afirmou que alguns políticos tentam enganar os eleitores e viram “camaleões”, se adaptando ao cenário para tentar agradar. Ele declarou que pretende ir ao segundo turno mas, se não for, vai seguir a orientação do presidente Jair Bolsonaro.

– Eu defendo o projeto político e ele é chefiado por nosso presidente Bolsonaro. Caso eu não esteja no segundo turno, vamos seguir as orientações do presidente – disse.

O prefeitável comentou que antes de pensar na mobilidade urbana é preciso pensar na “mobilidade humana”, proporcionando o bem estar da população durante sua locomoção.

Ele declarou que, se eleito, pretende realizar a interligação de ruas e bairros de João Pessoa que ainda não estão conectados. Também citou, durante entrevista à Rádio Correio FM, que é preciso preparar a cidade para a instalação futura de BRTs e VLTs.

– João Pessoa cresceu de forma desordenada e estamos pagando isso na prática hoje. Nos primeiros anos temos que fazer acontecer as coisas mais rápidas e o povo tem que confiar no poder público – disse.

Wallber também defendeu a realização de uma reforma administrativa na gestão e uma reforma tributária para não aumentar o valor dos impostos na cidade de João Pessoa.

Ele ainda disse que preza pelo incentivo à cultura desde quando era deputado e citou que pretende valorizar também a cultura gospel.

O prefeitável declarou que a sua participação como secretário de Administração Penitenciária na gestão do ex-governador Ricardo Coutinho (PSB) foi unicamente técnica e frisou que não possui “nenhuma relação com qualquer escândalo da gestão”, se referindo à Operação Calvário.

– Quando fui secretário, eu não fui na qualidade de político, eu fui na qualidade de técnico. Sou homem de missões e missão dada é missão cumprida. Sou delegado de polícia, sou homem de guerra. Não respondo a nenhum processo e não estou envolvido em nenhum escândalo – colocou.

O candidato ainda disse que pretende realizar concurso para a Guarda Municipal de João Pessoa e correr atrás de incentivos junto ao Governo do Estado e ao Governo Federal para a segurança. Também disse que é preciso criar parcerias para melhorar a qualidade de vida da população em geral e em especial a dos idosos.

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube