Fechar

logo

Fechar

Cartilha orienta moradores sobre materiais que podem ser reciclados

Da Redação com Ascom. Publicado em 11 de outubro de 2020 às 9:09.

Foto: Ascom

Foto: Ascom

Uma das formas de melhorar os números da coleta seletiva no Brasil é investir em educação ambiental. Pensando nisso, o programa ‘SustentaMundoBr-Parahyba’ está desenvolvendo ações junto aos condomínios já cadastrados nas cidades de João Pessoa e de Cabedelo para incentivar a entrega de materiais recicláveis.

O trabalho é realizado com a utilização de uma cartilha elaborada especialmente para o programa com o objetivo de explicar aos participantes os tipos de materiais que podem ser descartados com foco na reciclagem.

“Lixo representa dinheiro e contribui para a geração de trabalho e renda, melhorando a qualidade de vida de muitas famílias. Além disso, reciclar é economizar recursos naturais importantíssimos como água, energia elétrica, petróleo, árvores e outros”, comenta Aparecida Queiroz, responsável pela etapa operacional do programa.

A iniciativa reforça a importância de educar para a conscientização ambiental. O documento, entregue em formato digital de modo a evitar o uso de papel, traz detalhes sobre os tipos de materiais que são considerados recicláveis de acordo com sua constituição ou composição.

A separação deve ser feita na própria residência da pessoa cadastrada no programa. A coleta seletiva e a reciclagem de resíduos são soluções altamente recomendadas, por permitirem a redução significativa do volume de lixo para disposição final.

Outra informação que consta na cartilha é como descartar corretamente os resíduos, especialmente, separando o lixo seco e o lixo úmido.

“Antes de descartar os recicláveis, é importante remover os resíduos líquidos e sólidos de todas as embalagens, pois, além de assegurar seu valor econômico, evita a atração de vetores de doenças e garante melhores condições para que os catadores e/ou cooperados manuseiem os resíduos”, destaca parte do texto.

Como funciona – O programa ‘SustentaMundoBr – Parahyba’ foi desenvolvido por uma equipe multidisciplinar em parceria com o Instituto Brasileiro do Ambiente Sustentável (IBAS) – www.ibasbrasil.org.br – para incentivar a coleta seletiva em municípios e iniciou com um minucioso diagnóstico da realidade local, etapa que em Cabedelo já foi concluída.

A partir dele é possível estabelecer os processos para que a destinação correta dos recicláveis aconteça e chegue a uma central de triagem operada por cooperativas que comercializarão o material de forma a gerar trabalho e renda para catadores e suas famílias. Os interessados podem se inscrever a partir do e-mail: [email protected]

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube