Fechar

logo

Fechar

Vereador campinense critica manobras de colegas para não votação de projeto

Da Redação*. Publicado em 10 de setembro de 2020 às 10:53.

Foto: Paraibaonline

Foto: Paraibaonline

O vereador Alexandre Pereira (PSD) não poupou críticas ao fato de, segundo ele, alguns de seus pares na Câmara Municipal de Campina Grande estarem abusando de ‘manobras regimentais’ para não colocar em pauta um Projeto de Lei de sua autoria que institui a autorização para instalação de postos de combustíveis em supermercados do município.

Segundo Alexandre, a propositura foi apresentada na Casa há quase um ano, desde o mês de dezembro de 2019.

Em entrevista concedida à rádio Caturité FM, na manhã desta quinta-feira, 10, o parlamentar explicou que uma vez aprovado, o projeto mudará apenas uma frase do Código de Conduta do Município.

– Se querem contestar, que contestem com argumentos que possam favorecer a população. Será mudada apenas uma frase do Código de Conduta do Município, que é a que diz que não é permitido a instalação de postos de combustíveis em supermercados e hipermercados da cidade – disse.

Alexandre destacou que o vereador Aldo Cabral, que também faz parte da bancada de situação na Casa de Félix Araújo, tem sido um dos opositores mais contundentes desse projeto.

– O meu colega Aldo Cabral chegou a dizer que essa proposta deverá gerar desemprego para frentistas. Não. Na verdade, vai abrir mais oportunidades, porque quem está em um caixa de um supermercado não poderá estar ao mesmo tempo lá na bomba vendendo combustível – disse.

O vereador mencionou também que essa questão pode se caracterizar como mais um desdobramento da CPI dos Combustíveis, realizada no ano passado na Câmara.

– A CPI mostrou que em Campina Grande há cartelização forte nos preços. Então, eu não entendo o que impede nós vereadores de permitir que grandes redes instalem, que na verdade a gente nem sabe se alguma deverá instalar, mas, caso lá na frente, a que quiser, possa ter um posto de combustível em suas dependências e oferecer um preço menor e mais justo à população – desabafou.

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube