Fechar

logo

Fechar

Secretário de Saúde comenta casos da Covid em Campina e visita ao MS

Da Redação*. Publicado em 16 de setembro de 2020 às 8:10.

Foto: Codecom/CG

Foto: Codecom/CG

O secretário de Saúde de Campina Grande comentou, mais uma vez, a decisão de ampliar os horários de atendimento dos bares e restaurantes da cidade, determinados, agora, para 1h da madrugada.

Ele disse, durante entrevista à Rádio Campina FM, que, mesmo depois dessa ampliação, os números de casos da Covid-19 no município continuam sem registros de aumento exponencial, e que os leitos de UTI continuam mantendo a mesma média na taxa de ocupação.

– Autorizamos a ampliação dos horários de funcionamento e a retirada da pausa de duas horas para higienização dos estabelecimentos, porque vimos que os empresários estão cumprindo o protocolo sanitário do município. Os números permanecem estabilizados e a procura ao serviço de saúde do Hospital Pedro I também continua baixo, para o primeiro atendimento. Porém, isso não significa que tenhamos que relaxar, até porque ainda não existe uma vacina que é o que vai combater o vírus – alertou.

Apesar da estabilização, o secretário acredita que ainda não é possível liberar o protocolo de volta às aulas, tendo em vista os exemplos de outros países. Filipe ressaltou que o Governo do Estado iniciou uma testagem dos profissionais da Educação, para conhecer quem já teve ou não a doença e quem possa estar infectado, para iniciar uma possível retomada, porém não existe data definida.

O secretário ainda comentou sobre uma audiência que participaria com o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, em Brasília, para cobrar liberações de portarias, habilitação de novos leitos para o município, além de equipar e estruturar o novo Hospital da Criança e do Adolescente.

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube