Fechar

logo

Fechar

Secretário comenta sobre proibição de uso de celulares em unidades de saúde de JP

Da Redação. Publicado em 1 de setembro de 2020 às 13:45.

Foto: Ascom

Foto: Ascom

O secretário de Saúde de João Pessoa, Adalberto Fulgêncio, afirmou que a proibição de uso de celular em hospitais existe desde antes da pandemia do novo coronavírus, tendo em vista que o celular é um item que carrega consigo muitas bactérias e pode se tornar vetor da Covid-19.

Segundo Adalberto, o uso do celular continuará sendo proibido em unidades hospitalares e Unidades de Pronto Atendimento de João Pessoa.

Ele frisou, durante entrevista à Rádio Correio FM, que essa é uma determinação sanitária e deve ser cumprida.

– Já é uma norma que é emanada pelos órgãos de controle sanitário. O celular é um objeto que carrega muitos microorganismos, que dificulta a biossegurança. A orientação é anterior à pandemia e, durante a pandemia, isso se consolidou mais ainda – disse.

A respeito do ‘Trauminha’ de João Pessoa, Adalberto citou que existe uma licitação de R$2,5 milhões em curso para resolver os problemas mais predominantes do Complexo Hospitalar de Mangabeira Tarcísio de Miranda Burity.

– Vamos começar a fazer a reforma, se Deus quiser, antes de virar o ano – pontuou.

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube