Fechar

logo

Fechar

Prefeitável acusa Ricardo Coutinho de querer “roubar” a legenda do PT

Da Redação de João Pessoa (Hacéldama Borba). Publicado em 21 de setembro de 2020 às 17:33.

Foto: Paraibaonline

Foto: Paraibaonline

O candidato a prefeito de João Pessoa pelo Partido dos Trabalhadores, Anísio Maia, em entrevista à imprensa nesta segunda-feira (21) disse que o PT e o PC do B são partidos que não são comandados por chefes.

Ele voltou a criticar o socialista Ricardo Coutinho, também candidato a prefeito da capital.

“Nós queríamos conversar sem imposição, sem caciquismo e nem ‘chefismo’ desses que estão hoje, comandando essa tentativa de intervenção”, disse ele, referindo-se a Ricardo Coutinho, que segundo Maia não é habituado ao diálogo e quer as coisas sempre da forma como deseja e na base da ordem, e os petistas não admitem isso, assim como o PC do B.

Segundo ele, Ricardo está tentando “roubar” a legenda PT e que não vai aceitar as ordens do ex-governador.

Destacou ainda que aquilo que achar errado vai dizer e que não está desrespeitando ninguém ao externar opinião sobre o assunto.

Maia avisou ainda que está com uma equipe jurídica competentíssima para resolver esse imbróglio criado por Ricardo Coutinho de querer impor uma aliança com o PT e com o PC do B, sem pelo menos ter conversado com a direção dos dois partidos.

“Mais importante que uma equipe jurídica competente, é que nós estamos dentro da legalidade, porque a nossa convenção foi de acordo com a legislação e com os preceitos democráticos. Não fomos nós que indicamos um candidato no apagar das luzes para impor sem consultar os partidos”, disse.

O petista destacou que a pessoa que age de forma autoritária, quando assumir a Prefeitura, vai continuar sendo autoritário e a que age defendendo a democracia, quando assumir a Prefeitura, vai praticar a democracia na gestão.

“Isso é importante a cidade entender”.

Anísio Maia afirmou que se for preciso vai até ao Papa, mas não vai se subordinar à “violência antidemocrática”.

Disse, por fim, que não trabalha com a possibilidade de não levar adianta a sua candidatura, pois toda vez que se reúne com a sua equipe jurídica sai mais convicto da reunião.

“Agora destaco que estamos juntos com o PC do B porque é um aliado fiel, sincero, que tem identidade política ideológica conosco. E um dos nossos princípios é que estaremos sempre juntos e o povo vai ganhar. Nós vamos ser candidatos para democratizar a gestão de João Pessoa porque temos uma vida que pratica a democracia no quotidiano”, completou.

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube