Fechar

logo

Fechar

PM detido suspeito de venda ilegal de munição em Campina faz parte da reserva remunerada

Da Redação. Publicado em 2 de setembro de 2020 às 17:58.

Foto: Ascom

Foto: Ascom

O policial militar detido na manhã desta quarta-feira (2), suspeito de venda ilegal de munição para arma de fogo em Campina Grande, faz parte da reserva remunerada, ou seja, está afastado das atividades recebendo e ainda poderia ser convocado.

A informação foi confirmada pela TV Cabo Branco.

A polícia recebeu a informação de que havia um homem comercializando munição na feira de gado, localizada no bairro do Ligeiro.

Ao chegar ao local, a polícia identificou o suspeito, o abordou e o encaminhou à Central de Polícia.

Com o PM estavam pelo menos 500 cartuchos de munições variadas, muitas delas ele possui o porte. No entanto, entre elas, havia projéteis para fuzil 762, que ele não poderia estar portando.

Ainda segundo informações, o suspeito pode responder pelo crime de posse ilegal de munição.

As investigações seguem em curso com o objetivo de descobrir os compradores.

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube