Fechar

logo

Fechar

Grupo é preso acusado de planejar ataque a agência bancária em João Pessoa

Da Redação. Publicado em 14 de setembro de 2020 às 23:12.

Foto: Reprodução/ TV Cabo Branco

Foto: Reprodução/ TV Cabo Branco

Ao menos nove pessoas foram presas, nesta segunda-feira, 14, durante uma operação coordenada pela Delegacia de Roubos e Furtos de Campina Grande, e contou com o apoio da Inteligência da 2ª Superintendência da Polícia Civil, na cidade. A quadrilha é acusada de planejar ações contra agências bancárias em João Pessoa.

Quatro destas prisões ocorreram em Baía da Traição, e as outras cinco no município de Alagoa Nova.

O grupo estava preparando um ataque a uma agência bancária, além de comercializar drogas.

A quadrilha se reunia e gravava vídeos. Em um deles, segundo o delegado Yure Givago, os líderes se apresentavam entre si e exibiam armas de alto poder de destruição chamando os demais para a ação.

Um dos acusados, conhecido como João Batista Feitosa Júnior, mais conhecido como “Moicano” era fugitivo da penitenciária de Alcaçuz, no Rio Grande do Norte, se mostrava com um fuzil na mão.

Os acusados foram presos em flagrante e devem responder por tráfico de drogas, documentação falsa, associação criminosa e porte ilegal de arma. Um deles também deve responder por um homicídio, ocorrido na madrugada do sábado para o domingo, em Alagoa Nova.

*Com informações da TV Cabo Branco

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube