Fechar

logo

Fechar

Presidente do PSC na Paraíba considera natural exoneração de aliados da PMJP

Da Redação de João Pessoa (Hacéldama Borba). Publicado em 10 de julho de 2020 às 16:34.

Foto: Ascom

Foto: Ascom

O prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo (PV) exonerou os secretários Sebastião Flávio de Araújo e José Gadelha Neto, secretário e secretário-adjunto do Trabalho em João Pessoa, respectivamente, cujos agentes foram indicação do PSC, partido comandado pelos Gadelha.

Com o rompimento político, Cartaxo achou por bem tirá-los da administração.

“Encaro isso dentro da normalidade, compreendo e respeito a decisão do prefeito, Não há nenhum ressentimento, não há nenhuma retaliação, nenhuma mágoa, nenhuma queixa. Continuamos admirando o prefeito Cartaxo, respeitando a sua pessoa e a sua administração, que aliás é muito fecunda e muito útil para a Paraíba”, destacou o presidente estadual do PSC, Marcondes Gadelha [foto].

Gadelha enfatizou ainda que Cartaxo foi muito correto com o PSC enquanto durou a aliança e que a recíproca é verdadeira, frisando que o partido se comportou em relação ao PV com absoluta lealdade.

“Votamos três vezes com a família Cartaxo e tudo isso faz parte das relações políticas normais. Agora, nós optamos por apoiar o deputado federal Ruy Carneiro para prefeito de João Pessoa por ver nele um quadro altamente qualificado. Um jovem talentoso, que gosta da política, é muito bem articulado no plano nacional, o que é um diferencial competitivo em favor dele e que vai ser muito útil para a Capital. Se Deus quiser seremos bem sucedido nestas eleições”, concluiu.

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube