Fechar

logo

Fechar

Vigilância em Saúde alerta para os cuidados com outras doenças em meio à pandemia

Da Redação*. Publicado em 11 de junho de 2020 às 12:26.

Foto: Paraibaonline

Foto: Paraibaonline

O número de casos de dengue segue crescendo no Brasil. No ano de 2019, o país registrou um aumento de 488% em relação a 2018.

Já em 2020, só nas primeiras quatorze semanas, o país registrou mais de 525 mil casos prováveis de dengue.

O diretor de Vigilância em Saúde de Campina Grande, Miguel Dantas, explicou que apesar de toda a preocupação com o contágio do novo coronavírus, é preciso que as pessoas tenham consciência também da existência de outras patologias.

“Quando nós falamos de arboviroses, que são as doenças transmitidas por mosquitos, como a zika, chikungunya e a própria dengue, o transmissor só precisa de um meio úmido para que ele deposite seus ovos e daí haja um aumento da espécie. Então é importante que haja uma vigilância, um cuidado, não só pelas equipes profissionais, mas também partindo da própria população”, destacou em entrevista à rádio Cariri FM, nesta quinta-feira, 10.

Existem relatos de que pessoas que estiveram com dengue recentemente chegaram até a confundi-la com a Covid-19. Diante disso, Miguel apontou que há uma diferença dos sintomas das duas doenças já no início.

“Os primeiros sintomas da dengue são aqueles já conhecidos e que se parecem mesmo com uma gripe comum, como: coriza, moleza no corpo, dor de cabeça. Por isso, é importante se dirigir a uma unidade de saúde e ter o diagnóstico correto”, esclareceu.

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube