Fechar

logo

Fechar

Elba: não existe Campina sem São João nem São João sem Campina

Da Redação. Publicado em 3 de junho de 2020 às 16:38.

Paraíba Online • Elba: não existe Campina sem São João nem São João sem Campina

Foto: Reprodução

A cantora Elba Ramalho concedeu ontem uma entrevista ao jornal O Estado de São Paulo, na qual falou sobre a singular experiência que viverá este ano, na véspera de São João, em Campina Grande, com uma ´live´ presencial, inteiramente diferente do apoteótico Parque do Povo.

Leia trechos de suas declarações.

“Para mim o São João é a grande festa da família. É a festa dos santos da tradição católica. A fogueira foi o sinal de Santa Isabel para Maria, mãe de Jesus.

“É a festa da fartura, do milho, das comidas típicas, da dança, das quadrilhas e principalmente da música, do forró e dos ritmos nordestinos.

“Definitivamente, uma festa que envolve muitos aspectos culturais e movimenta a economia de determinadas cidades durante o mês inteiro.

“A minha primeira referência musical, da minha infância, vem justamente das festas juninas. Eu e meus irmãos esperávamos o ano inteiro pelo mês de junho.

“É muito difícil sob todos os aspectos. O carnaval dura quatro dias, os festejos de São João duram o mês inteiro. O Nordeste vive e respira São João, mas a pandemia é maior que tudo no momento. É claro que vai ser diferente, mas vou fazer o meu São João do jeito que for possível e vou tentar compartilhar ao máximo.

“Tenho 41 anos de carreira e 35 anos de São João em Campina Grande. As nossas vidas mudaram, o mundo está mudando e a festa também vai ter de mudar.

“Eu diria que estou passando por este momento de forma bastante serena. É triste constatar as mortes, os problemas financeiros e até a fome que se tornou parte da nossa realidade. Por outro lado, agradeço aos céus pela minha casa, pela minha estrutura e pela minha família saudável perto de mim.

“Estou valorizando muito mais cada pedacinho do meu jardim, aprendendo a fazer sobremesas, conversando muito com as minhas filhas e curtindo imensamente a chegada da minha netinha. Sim, tenho cantado muito, tenho escutado muito forró e estou até gravando algumas coisinhas para o futuro.

“Tomara que possamos nos abraçar e celebrar o São João em outubro (…) Pretendo participar dos festejos em outubro. Tomara que possamos nos abraçar e celebrar o São João em outubro.

“Não existe Campina Grande sem São João, nem São João sem Campina Grande”.

*com informações do estadao

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube