Fechar

logo

Fechar

Presidente da CDL afirma que lockdown em Campina Grande teria resultado desastroso

Da Redação*. Publicado em 22 de maio de 2020 às 11:34.

Foto: Paraibaonline

Foto: Paraibaonline

O presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas de Campina Grande (CDL-CG), Artur Bolinha, afirmou que é totalmente contra a possibilidade de lockdown em Campina Grande e citou que a medida traria um resultado “desastroso” para os aspectos sociais e econômicos.

Ele lamentou, durante entrevista à Rádio Caturité FM, que boa parte do comércio campinense esteja fechado há quase 75 dias e disse que é necessário que as pessoas aprendam a viver com a realidade do novo coronavírus, tomando todas as medidas de segurança que são recomendadas.

– Já caminhamos para 75 dias com grande parte dos segmentos sem poder funcionar e isso tem sido uma decretação de morte de vários CNPJ, que por sua vez leva à decretação de morte de CPF também – frisou.

Segundo Artur, é necessário achar uma maneira de voltar às atividades, pois não se sabe se haverá de fato uma vacina contra a Covid-19.

– Infelizmente, o coronavírus é uma realidade e tem que se ter todos os cuidados. Mas é preciso criar uma maneira urgente de conviver e fazer com que a vida aconteça e a sociedade aprenda a viver com essa doença. Não sabemos quando teremos uma vacina e se teremos – enfatizou.

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube