Fechar

logo

Fechar

OMS: Pandemia mostra que não existe economia sem saúde

Folhapress. Publicado em 23 de abril de 2020 às 9:12.

Foto: Reprodução

Foto: Reprodução

ANA ESTELA DE SOUSA PINTO
BRUXELAS, BÉLGICA (FOLHAPRESS) – “No ‘novo normal’ da política, a saúde será prioridade por muitos anos”, disse nesta quinta (23) o diretor regional para a Europa da OMS (Organização Mundial da Saúde), Hans Kluge.

Segundo ele, a pandemia de coronavírus mostrou que “sem saúde não existe economia nem segurança nacional”. Kluge também afirmou que será fundamental a coordenação e a cooperação internacional.

“Não adianta um país trabalhar sozinho. Se o vizinho não controlar a pandemia, ele será atingido”, afirmou o diretor da OMS Europa.

Segundo Catherine Smallwood, encarregada do setor de Emergências da seção europeia, será preciso implantar um sistema de vigilância amplo, que identifique a Covid-19 em qualquer lugar do mundo. “Qualquer novo caso em qualquer país representa um risco global. Tudo o que é feito no nível local terá impacto global”, afirmou.

A capacidade de rastrear a doença e reagir logo para conter a transmissão será crucial para evitar novas crises, segundo a especialista.

Kluge também acredita que o “novo normal” deveria incluir uma valorização dos profissionais de saúde. “Grande parte dos funcionários da linha de frente são desvalorizados. Agora sua importância ficou sob o holofote”, afirmou

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube