Fechar

logo

Fechar

Mulheres são presas por corrupção de menores em Alagoa Grande e Sertãozinho

Da Redação com Ascom. Publicado em 19 de abril de 2020 às 12:26.

Foto: Ascom

Foto: Ascom

Duas mulheres foram presas por policiais do 4º BPM (Batalhão de Polícia Militar) nesse sábado (18), nas cidades de Alagoa Grande e Sertãozinho, suspeitas de corrupção de menores. Ambas são proprietárias de bares e estariam favorecendo a prostituição, além de aliciando e fornecendo bebidas alcoólicas para menores de idade, entre as quais, a própria filha de uma delas, de 16 anos.

A primeira prisão aconteceu no Bairro Vera Cruz, em Alagoa Grande, depois que os policiais da 2ª Companhia foram procurados por integrante do Conselho Tutelar para que fossem averiguar uma denúncia, feita inclusive através do envio de imagens, de que em um bar haveria menores trabalhando, além de consumindo bebidas alcoólicas e se prostituindo.

De imediato, a guarnição foi ao bar e, ao chegar, encontrou uma menor que, ao ser perguntada se haveria mais alguma outra trabalhando no local, disse que sim, mas ela teria saído para “dar uma volta”.

Ao realizarem diligências, os policiais conseguiram localizar a outra adolescente que, juntamente com a suspeita presa, foram encaminhadas para a Delegacia de Polícia Civil.

Em Sertãozinho, as guarnições do supervisor juntamente com a guarnição do Destacamento local realizavam rondas pela cidade e encontraram um bar em funcionamento onde, segundo denúncias, também acontece a prática de prostituição.

Ao realizarem a abordagem nas pessoas que se encontravam no estabelecimento, identificaram uma adolescente de 16 anos que estava no local consumindo bebidas alcoólicas e é filha da proprietária. A mãe recebeu voz de prisão e foi conduzida, com a adolescente, para a delegacia.

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube