Fechar

logo

Fechar

Prefeito condenado diz ter acionado STJ para anular provas do processo

Da Redação. Publicado em 4 de março de 2020 às 23:26.

Preso em flagrante no momento em que acabara de receber a quantia de R$ 3.500,00 de propina, o prefeito de Bayeux, Berg Lima, reafirmou nesta quarta-feira, 4, que isso foi uma armação.

– A gente reafirma que isso se trata de uma grande armação e já temos um rol de provas que isso foi um flagrante preparado e a nossa defesa tem tranquilidade – disse o prefeito em entrevista para uma rádio de João Pessoa.

Ele acrescentou ainda que “inclusive já acionamos o STJ (Superior Tribunal de Justiça) para que possamos anular várias provas desse processo”.

Foto: Reprodução/Internet

Foto: Reprodução/Internet

De acordo com o prefeito, essas provas foram foram obtidas de forma equivocada, e que por isso “já acionamos o STJ e esperamos essa decisão no mérito”.

Ele foi preso no dia cinco de julho 2017, no interior do estabelecimento Sal e Pedra, numa ação realizada pelo Ministério Público da Paraíba, por meio do Gaeco (Grupo de Atuação Especial contra o Crime Organizado).

Nesta terça-feira, 3, o prefeito foi julgado pela Terceira Câmara Cível do Tribunal de Justiça da Paraíba, que manteve a sentença do Juízo da 4ª Vara Mista de Bayeux que condenou o prefeito.

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube