Fechar

logo

Fechar

Nutes da UEPB revela ações em curso para ajudar no enfrentamento ao coronavírus

Da Redação com Ascom. Publicado em 30 de março de 2020 às 13:42.

Foto: Ascom

Foto: Ascom

A respeito de declarações da deputada Pollyanna Dutra (PSB) e de nota publicada nesta segunda-feira na coluna APARTE, o professor Misael Morais, diretor do Nutes (Núcleo de Tecnologias Estratégicas em Saúde) da UEPB enviou as seguintes declarações:

“Tenho acompanhado as matérias jornalísticas cobrando, nesta crise provocada pelo Coronavírus, respostas das Universidades, principalmente as públicas. É louvável o empenho nesta busca. 

Gostaria de dizer que o Nutes e outros setores da UEPB, desde os primeiros dias do surgimento desta pandemia que está com todo labor nesta luta:

1)  A UEPB está produzindo álcool gel a 79% INPM desde o início do surgimento desta pandemia.  Conforme suas limitações de insumos e de equipamentos. O laboratório é de ensino e pesquisa e não possui uma estrutura de produção em escala industrial. Seria preciso investimentos em equipamentos e de infraestrutura para um aumento substancial de produção.

2) Projetamos, produzimos e distribuímos (ainda estamos fazendo) centenas de EPI para todo a Paraíba. Os professores, pesquisadores e alunos fizeram turnos de revezamento de 24h para imprimir em impressora 3D máscaras de proteção para os profissionais de saúde. Inclusive distribuímos o projeto em AutoCad para vários outros Estados.

Foto: Ascom

Foto: Ascom

3) Desenvolvemos em tempo recorde uma plataforma, que está sendo utilizado pelos infectologistas no Hospital de Trauma de Campina Grande, para acompanhar os infectados e hospitalizados.

4) Desenvolvemos uma segunda plataforma para monitorar os que são enviados para casa.

5) Fabricamos uma matriz para produção em escala das máscaras EPI. Logo, logo as impressoras 3D vão quebrar.

6) Estamos empenhados, dia e noite, no desenvolvimento de um ventilador pulmonar. Concluímos todo estudo de modelagem no MatLab e agora estamos implementando para termos um protótipo para ser apresentado para avaliação da Anvisa.

7) Montamos uma equipe de quase 40 profissionais de psicologia para oferecer suporte aos trabalhadores da saúde, de modo geral, que estão na linha de frente de trabalho direto com pessoas infectadas nos hospitais e outras estruturas.

Tudo isto, fabricação de EPI, desenvolvimento de plataformas, montagem de protótipos, tudo, tudo, financiado com recursos próprios, atendendo necessidades da nossa sociedade”.

http://nutes.uepb.edu.br/

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube