Fechar

logo

Fechar

Ministro do STJ determina uso de recursos recuperados no combate ao Covid-19

Da Redação. Publicado em 30 de março de 2020 às 15:11.

Foto: Wilson Dias/ABr

Wilson Dias/ABr

O ministro do Superior Tribunal de Justiça (STJ), Francisco Falcão, determinou nesta segunda-feira, 30, que os recursos recuperados a partir do acordo de colaboração premiada do ex-empresário Daniel Gomes, da Cruz Vermelha, no âmbito da Operação Calvário, terão que ser utilizados para o combate ao coronavírus na Paraíba e no Rio de Janeiro.

A informação foi divulgada por uma emissora de rádio de João Pessoa. A quantia ainda não foi definida.

De acordo com informações da rádio, os valores serão mantidos por um fundo público, que ainda será criado e que ficará sob a supervisão de Lindora Maria Araújo, subprocuradora-geral da República. Diz que a gestão do fundo será feita pelo Ministério da Saúde.

Ainda conforme informações, 72% dos recursos serão voltados para ações na Paraíba e 28% para o Rio de Janeiro.

Informa ainda que o dinheiro terá que ser utilizado para a compra de insumos médicos.

A primeira fase da Operação Calvário foi desencadeada no dia 14 de dezembro de 2018. Essa Operação investiga um esquema de desvio de recursos públicos nas áreas da Saúde e da Educação. Há também a investigação de práticas de lavagem de dinheiro.

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube