Fechar

logo

Fechar

Covid-19: Portaria da UEPB dispõe sobre ações administrativas e suspensão de aulas

Ascom. Publicado em 17 de março de 2020 às 22:09.

Foto: Leonardo Silva/ Paraibaonline

Foto: Leonardo Silva/ Paraibaonline

A Administração Central da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) publicou portarias dispondo sobre as atividades dos servidores técnicos administrativos e sobre a suspensão das atividades letivas na Instituição, em decorrência da propagação e infecção iminentes do Covid-19.

A Portaria UEPB/GR/0014/2020 suspende as aulas em todos os câmpus da UEPB até o dia 12 de abril, conforme decisão conjunta tomada em reunião entre gestores de instituições de ensino superior paraibanas, realizada nesta terça-feira (17), no Gabinete da Reitoria, no Câmpus de Bodocongó, em Campina Grande.

Conforme o documento, as atividades de defesa de Trabalhos de Conclusão de Cursos (TCCs) de graduação, mestrado e doutorado, previamente agendadas, devem acontecer pelo serviço de webconferência.

A medida leva em consideração a Normativa 01 do Comitê de Gestão de Crise Covid-19 publicada nesta terça-feira pela Secretaria de Saúde do Estado da Paraíba, bem como a necessidade de evitar circulação e aglomeração de pessoas, fazendo-se urgente a promoção de isolamento social.

Já a Portaria UEPB/GR/0015/2020 institui alterações no âmbito das atividades administrativas da Universidade. Nesse sentido, até o dia 12 de abril, o trabalho das unidades administrativas da Instituição serão desenvolvidos das 8h às 12h, podendo ser exercido em regime remoto (home office), quando tecnicamente possível, ou revezamento.

Em situações de emergência, os técnicos administrativos poderão ser convocados conforme orientação e autorização das chefias.

Aqueles técnicos administrativos que compõem os grupos de risco (portadores de doenças crônicas, gestantes, lactantes e idosos) ou os que necessitem cuidar de seus filhos, em razão de suspensão das aulas nas escolas e creches, deverão exercer sua jornada de trabalho remotamente.

Excetuam-se da medida os vigilantes e agentes de segurança do quadro efetivo de servidores, fora do grupo de risco, que obedecem a horários e turnos já estabelecidos em normas próprias.

Uma nova reunião entre os gestores das IES paraibanas ficou pré-agendada para o dia 3 de abril, quando o cenário será reavaliado para verificar a possibilidade de antecipação ou prorrogação do retorno das atividades, de acordo com o quadro em saúde pública que estará sendo vivenciado, no momento, no Brasil e no Estado da Paraíba, e com as recomendações dos órgãos de Saúde e Vigilância Sanitária.

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube