Fechar

logo

Fechar

Sintab: Servidores da saúde não entraram em greve para não prejudicar população

Da Redação*. Publicado em 13 de fevereiro de 2020 às 10:05.

Servidores da Saúde de Campina Grande invadiram, nessa quarta-feira, 12, a sede da secretaria com o intuito de reivindicar o pagamento do PCCR e reajuste do piso nacional dos agentes comunitários de saúde e de endemias (ACS e ACE), o PMAQ, entre outras.

A ação faz parte das paralisações semanais, realizadas pelo Sindicato dos Trabalhadores Públicos Municipais do Agreste e da Borborema (Sintab), que são realizadas todas as terças, quartas e quintas-feiras.

Foto: Ascom

Foto: Ascom

Durante entrevista à Rádio Campina FM, o presidente do Sintab, Giovanni Freire, disse que a pauta é antiga e as paralisações já ocorrem desde o ano passado, porque até agora não houve proposta, por parte da gestão municipal, de honrar, segundo ele, os compromissos com os servidores.

– É importante dizer à população de que houve indicativo de greve dos servidores, mas eles ainda não deliberaram porque o não compromisso da gestão mostra que, caso entrem em greve, a gestão vai continuar sem negociar e quem vai sofrer é o povo, que ficará desassistido – disse Giovanni.

O sindicalista ressaltou que, após a manifestação, a Secretaria de Saúde teria realizado o pagamento do PMAQ, pelo menos para alguns servidores que o informaram de que o pagamento tinha caído em suas contas.

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube