Fechar

logo

Fechar

Presidente da FAP faz balanço de 2019 e revela expectativas para 2020

Da Redação*. Publicado em 7 de fevereiro de 2020 às 11:55.

O diretor presidente da Fundação Assistencial da Paraíba (FAP), Derlópidas Neves, durante entrevista à Rádio Campina FM, fez um balanço das ações realizadas no ano de 2019 e as expectativas para 2020.

Segundo ele, no ano passado foram atendidos mais de 45 mil pacientes tanto de Campina Grande quanto dos 148 municípios pactuados, além de outros estados.

– Tivemos grandes avanços no hospital. Temos um conselho que realmente é representativo e conseguimos apoio de deputados e senadores da Paraíba, além da sociedade. Recebemos recursos das emendas, para que possamos atualizar o nosso mecanismo de atendimento. Hoje a nossa estrutura é bem melhor e conseguimos equipamentos para o centro cirúrgico e dentro das nossas alas. Isso realmente foi uma ação muito frequente no ano passado – contou.

Foto: Paraibaonline

Foto: Paraibaonline

Derlópidas ainda disse que, ao tomar posse no cargo, no ano passado, o hospital tinha uma dívida de R$ 22 milhões com a União e foi proposto um refinanciamento com a Caixa Econômica, para que as parcelas fossem amenizadas, no sentido de garantir a manutenção dos serviços, que, de acordo com ele, estão sendo realizados de forma completa.

– Nossos serviços estão em plena atividade. Apesar de algumas paralisações de médicos, mas estamos solucionando os problemas. A tabela do SUS está defasada há 11 anos e isso os deixa em situação crítica. Temos procurado a compreensão dos próprios médicos para fazer o atendimento à população – ressaltou.

Para 2020 as expectativas são de modernizar o hospital e garantir melhor atendimento aos pacientes, com equipamentos modernos, além da implantação do sistema de prontuário eletrônico, que, de acordo com o presidente, seria o primeiro da cidade.

Ainda na entrevista, o presidente da FAP disse que anualmente tem crescido de 20% a 22% o número de novos casos de câncer. A doença tem atingido também os jovens.

De acordo com ele, os principais casos de câncer acometidos em homens são de próstata e estômago; já nas mulheres, mama e do colo do útero. Porém, também tem aumentado os casos de câncer de pele para ambos os sexos.

Derlópidas ressaltou que o melhor remédio é a prevenção e que o Sistema Único de Saúde, através das unidades municipais, garante exames preventivos contra a doença. Manter uma boa alimentação, atividade física regular, não beber nem fumar, também são formas de prevenção da doença.

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube