Fechar

logo

Fechar

Ladrões roubam sede da Fundação Artístico-Cultural em Campina Grande

Da Redação. Publicado em 20 de fevereiro de 2020 às 0:10.

Foto: Reprodução/TV Paraíba

Foto: Reprodução/TV Paraíba

Ladrões invadiram a sede da Fundação Artístico Cultural Manoel Bandeira, em Campina Grande, e roubaram o equipamento de som.

A sede funciona no bairro do Catolé e completa, neste ano, 50 anos de existência.

Os bandidos entraram na Fundação pelo muro dos fundos.

Quando o vigilante chegou para trabalhar, encontrou os portões de ferro e a porta que dá acesso à cozinha arrombados.

O gerente administrativo do local, Adalberto Vieira, mostrou que os ladrões arrombaram várias portas até chegar ao teatro, de onde roubaram o equipamento de som.

– Eles encontraram todo o serviço de som que atende a todo o teatro. Que é a mesa de som. Tinham as caixas, amplificador, controlador de luz. Era um equipamento antigo, mas muito bom e todo funcionando – lamentou.

Ele disse ainda que por causa do roubo não seria mais possível realizar espetáculos no local.

O prédio da Fundação Artístico-Cultural Manoel Bandeira (FACMA) já foi arrombado outras vezes.

A última foi no ano passado, e desde então o local está passando por reformas para reforçar a segurança.

A FACMA está completando 50 anos de fundação em 2020, mas há cerca de um ano não realiza eventos no teatro, que recebe o nome de Elba Ramalho.

Apesar do prejuízo com o arrombamento, a presidente de honra, Elizabeth Marinheiro, disse que espera revitalizar a Fundação neste ano.

– Vamos entrar em campanha para recuperar os roubos, os prejuízos causados à FACMA. Depois do carnaval, vamos abrir o edital para as eleições, eleger uma nova diretoria e, a partir dai, recorrer à comunidade campinense um auxílio significativo para fazer voltar essa revitalização – explicou.

*com informações da TV Paraíba

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube