Fechar

logo

Fechar

Festa por todo Recife tem bloco de Carnaval até nas águas do rio Capibaribe

Folhapress. Publicado em 20 de fevereiro de 2020 às 10:41.

Foto: Reprodução

Foto: Reprodução

JOÃO VALADARES
RECIFE, PE (FOLHAPRESS) – Um dos maiores símbolos do Recife, o rio Capibaribe, que corta boa parte da capital pernambucana, virou leito para apresentações de blocos líricos.

Frevos de antigos carnavais, executados por orquestras com instrumentos de pau e corda, embalam o “tour” de mais de uma hora. É a cidade vista de dentro para fora.

A bordo de um catamarã com capacidade para 120 pessoas, 12 agremiações se apresentaram no período pré-carnavalesco.

Os turistas que embarcam no centro da cidade aproveitam para conhecer de uma só vez o frevo e os principais pontos turísticos recifenses a partir de uma visão privilegiada.

O roteiro inclui passagem pelo Marco Zero, na zona portuária da cidade, um dos principais cartões-postais da cidade, bem em frente ao parque de esculturas do artista plástico Francisco Brennand.

“Eu conhecia o Recife, mas nunca tinha visto a cidade a partir do rio. É uma coisa linda. Passamos pelas pontes históricas e pelo casario do centro. E ainda com um bloco flutuando com a gente. Quero voltar outras vezes”, diz a aposentada carioca Marlene Dias, 68.

Ao longo do desfile, no intervalo das músicas, um guia repassa todas as informações históricas sobre as conhecidas pontes do Recife.

No retorno, o pôr do sol é responsável por uma enxurrada de selfies. “Fiquei bastante emocionada, principalmente quando o passeio vai chegando à rua da Aurora. Tem uma luz linda. Eu já conhecia o Recife, mas não tem nada como a gente participar de um carnaval de dentro do Capibaribe. Parece que estamos em um filme”, declarou a comerciante Analu Medeiros, 59.

Inicialmente chamados de blocos carnavalescos mistos, as primeiras agremiações líricas tiveram origem nos bairros centrais da cidade em 1920.

Juliana Britto, diretora da empresa Catamaran Tours, responsável pelos passeios, explica que a ideia é fazer com que turistas e os próprios pernambucanos tenham conhecimento sobre uma parte importante e tradicional do Carnaval.

“Queremos despertar no público a consciência da importância que esse tipo de manifestação cultural tem em nossas raízes”, explica.

Galo da Madrugada No sábado de Carnaval (22), o Catamaran na Folia também vai aportar nas águas do Capibaribe. É uma espécie de camarote flutuante com vista para o Galo da Madrugada, considerado o maior bloco carnavalesco do mundo.

O passeio tem início às 9h30 e os foliões só retornam às 16h. Dentro do catamarã, há uma orquestra de frevo e um DJ que tocam nos intervalos entre os trios elétricos.

O ingresso para o Galo custa R$ 370 e pode ser adquirido pelo site da empresa realizadora do evento. (http://www.catamarantours.com.br). O valor inclui café da manhã e serviço a bordo de bufê com prato quente, petiscos e bebidas.

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube