Fechar

logo

Fechar

Deputado estadual avalia decisão do STJ sobre ex-governador

Da Redação*. Publicado em 20 de fevereiro de 2020 às 11:33.

O deputado estadual Jeová Campos, do PSB, comentou nessa quarta-feira (19) a decisão do Supremo Tribunal de Justiça (STJ) que manteve a liberdade do ex-governador Ricardo Coutinho, também do PSB.

– A limitação da liberdade não é a regra. A regra é a liberdade. A limitação da liberdade é a exceção – avaliou.

O comentário foi feito para uma emissora de rádio de João Pessoa.

Na opinião dele, a prisão não se justifica, pois os fatos não são contemporâneos, os fatos são anteriores e, além do mais, Ricardo Coutinho não exerce mais o cargo de governador.

Foto: Paraibaonline

Foto: Paraibaonline

De acordo com Jeová, o Superior Tribunal de Justiça conseguiu observar que a parte denunciada tem o direito de ofertar a sua defesa.

Ainda na entrevista, ele disse que não existe nenhum risco para o caso de eventual aplicação da lei penal.

– Todas as pessoas elencadas naquele processo têm endereço fixo e têm profissão definida – esclareceu.

O deputado criticou também o que chama de vazamentos seletivos de delações para a imprensa.

– Me parece que chama-se um tribunal popular para julgar substituindo a figura do juiz – denunciou.

Para o deputado, o juiz cumpre um papel extremamente complexo que é o de dizer o direito e dá a cada um o que é seu. Mas, ao mesmo tempo, não pode ter vinculação com uma das partes para proferir uma sentença justa e imparcial.

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube