Fechar

logo

Fechar

Deputado considera que oposição protocolou na Assembleia um “impeachment de proveta”

Da Redação. Publicado em 13 de fevereiro de 2020 às 21:09.

Foto: Paraibaonline

O deputado estadual Anísio Maia (PT) classificou nesta quinta-feira (13) o pedido de impeachment protocolado pela bancada de oposição na Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB) contra o governador João Azevêdo (Cidadania) e a vice-governadora Lígia Feliciano (PDT) de “impeachment de proveta”.

Em entrevista para uma emissora de rádio de João Pessoa, disse que “seguramente esse impeachment é um impeachment de proveta, é um impeachment de encomenda. Pelo seu pouco conteúdo, ele não vai prosperar, evidentemente”.

– Agora, ninguém deve menosprezar adversário. Se a oposição encaminha esse impeachment é porque além dos deputados da oposição eles contam com mais alguma coisa. Eu não tenho a menor dúvida. Contam com mais alguma coisa, o tamanho dessa alguma coisa, ninguém sabe atualmente – acrescentou.

Na opinião do petista, “o governo João Azevêdo vai muito bem administrativamente, sem problemas, contornando as crises, enfrentando crises bravíssimas. Ele vem contornando com toda tranquilidade. Então, não acho que vai se esvair a base de apoio do governo” para que o pedido prospere.

Segundo Anísio Maia, a nomeação de Júnior Araújo, ex-líder do bloco G11, para secretário de governo do estado (antiga Casa Civil) pode favorecer o governo a recompor a ligação com a Assembleia Legislativa.

– Acho que o governo vai se recompor na Assembleia com esse arranjo que está fazendo, colocando Júnior Araújo […] Ele (João Azevêdo) tem a capacidade inclusive de recompor a ligação do governo com a Assembleia, e, a partir dai, o governo vai sair mais forte – considerou.

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube