Fechar

logo

Fechar

Campina deixou de ser referência em saúde devido à falta de investimento, diz Dalton

Da Redação. Publicado em 13 de fevereiro de 2020 às 21:22.

Dalton Gadelha, o chanceler da Unifacisa, teceu diversos comentários construindo um comparativo entre a saúde  ofertada por Campina Grande hoje, e a ofertada há alguns.

De acordo com ele, o município já foi o maior Centro de Saúde do interior do Norte e Nordeste, estando, inclusive, entre um dos mais importantes comparado até a capitais.

Foto: Paraibaonline

Foto: Paraibaonline

No entanto, ainda de acordo com Dalton, o posto de referência foi perdido devido a falta de investimento na área.

“A demanda foi aumentando e a cidade foi encolhendo do ponto de vista de atendimento médico”, completou.

“A verdade é que a gente só encaminhava paciente de Campina Grande para São Paulo Para Recife era só de vez em quando, quando o paciente tinha um médico, amigo ou parente que morava lá, mas não tinha necessidade, porque a gente resolvia tudo aqui”, criticou.

Levando em consideração todo esse processo de “retrocesso” apontado pelo chanceler, a Unifacisa, tem buscado reposicionar a saúde na Rainha da Borborema com ações práticas em termos de ensino, educação e assistência médica, tendo como carro chefe o Hospital de Ensino e Laboratórios de Pesquisa (Help), que iniciará suas atividades de forma parcial no final do mês de março.

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube