Fechar

logo

Fechar

Bruno Cunha Lima tenta viabilizar candidatura sem depender da ajuda de Romero

Da Redação. Publicado em 27 de fevereiro de 2020 às 22:09.

Foto: Paraibaonline

Foto: Paraibaonline

Bruno Cunha Lima, ex-secretário chefe de Gabinete na gestão Romero Rodrigues, reafirmou nesta quinta-feira (27), durante entrevista para a Correio FM, sua pré-candidatura a prefeito de Campina Grande.

– A lei não permite a Bruno nem a ninguém dizer que é candidato, mas eu sou sim pré-candidato a prefeito – afirmou.

Na entrevista, o ex-deputado estadual disse ainda que a história de que seria candidato de todo jeito foi uma criação que foi feita a partir de uma declaração que deu no ano passado em uma entrevista numa rede estadual de rádio.

– Disseram: ‘Romero vai anunciar o seu candidato depois do Carnaval’. Isso era, eu acho, mês no agosto, alguma coisa assim, agosto ou setembro, ‘E o senhor, o que é que diz?’. Eu disse: ‘O prazo para Romero, enquanto eleitor, anunciar o voto dele ou quem ele vai apoiar ser depois do Carnaval, está ótimo. Mas o meu prazo como pré-candidato precisa ser agora, até porque não posso deixar para tentar me viabilizar só depois do Carnaval, a partir de uma escolha de Romero ou do grupo. Eu preciso ser viável desde já, para que quando fevereiro ou março chegar eu seja viável ao ponto de receber esse apoio’ – esclareceu.

– Então a lógica é diferente. A lógica de você ser feito candidato ou você se fazer ou se viabilizar. Ou você é viabilizado como candidato ou você se viabiliza como candidato. E ai, se viabilizando, recebe apoios. A partir dessa declaração, aquela história de que um texto sem contexto vira pretexto, criaram toda essa celeuma dizendo que eu havia afirmado que era candidato de todo jeito. O que eu tenho feito, eu comecei a fazer no ano passado e permaneço fazendo: é buscar viabilizar minha pré-candidatura – acrescentou.

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube