Fechar

logo

Fechar

Secretária de deputado diz ter medo de morrer se tiver que delatar políticos

Da Redação. Publicado em 20 de janeiro de 2020 às 17:58.

Foto: Ascom

Foto: Ascom

Gravada pela Polícia Federal (PF) em conversa com o empresário George Ramalho, a secretária parlamentar Evani Ramalho, do deputado federal paraibano Wilson Santiago (PTB), diz temer pela própria vida.

O áudio faz parte do material de investigação da Operação ‘Pés de Barro’.

Na gravação, a secretária diz que teme ser obrigada a delatar o envolvimento de políticos no esquema.

“Se eu entregar, eu morro”, diz ela.

George responde: “Não tem como você não entregar”.

Evani conclui: “Por isso eu tenho medo”.

O grampo aconteceu em data indeterminada. Sabe-se que foi depois de Wilson Santiago ter sido afastado do mandato parlamentar.

De acordo com as investigações da PF, a secretária Evani Ramalho foi responsável por intermediar o recebimento de propina de George Ramalho para Santiago e para o prefeito de Uiraúna, João Bosco Nonato.

George Ramalho é o proprietário da Coenco Construções Empreendimentos e Comércio Ltda., empresa responsável pela construção da “Adutora Capivara”, que se estende do município de São José do Rio do Peixe até Uiraúna.

Segundo a PF, a obra sofreu superfaturamento, prática com a qual se montou uma organização criminosa dedicada à pagamentos de propinas para políticos da região, entre eles, o deputado paraibano.

Ouça o áudio:

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube