Fechar

logo

Fechar

Saúde mental: psicóloga orienta as pessoas a deixar de observar a vida dos outros

Da Redação*. Publicado em 14 de janeiro de 2020 às 11:38.

O Brasil está no 11º lugar do ranking de países mais ansiosos do mundo, e a campanha Janeiro Branco foi criada para conscientizar e informar as pessoas acerca da importância da saúde mental. Segundo a psicóloga Luciana Melo, a ansiedade é um aspecto natural do ser humano, mas quando parte para um nível mais alto, precisa ser tratada.

Luciana afirmou que é preciso que as pessoas foquem em suas próprias vidas e deixem de observar a vida dos outros. Ela ainda citou que é preciso focar no presente e conseguir deixar o passado para trás, enxergando as possibilidades que estão por vir.

– Temos que pensar em novos objetivos, não ficarmos inclinados sobre aquilo que não conquistamos. Todos nós temos ansiedade. A ansiedade faz parte assim como a alegria, a tristeza e o medo. Podemos perceber que lidar com seus próprios problemas tem sido mais árduo, tem sido mais complicado – apontou.

Foto: Paraibaonline

Foto: Paraibaonline

Durante entrevista à Rádio Caturité FM, Luciana declarou que a efervescência das redes sociais diante da realidade do Brasil proporciona a elevação da ansiedade nas pessoas.

Também frisou que é necessário ter cuidado com os “vampiros de energia”, que são pessoas inclinadas ao negativo, angustiadas e com dificuldades de lidar com os seus problemas e que acabam sugando a energia daqueles que levam a vida de forma mais leve.

Para ter um acompanhamento e uma orientação efetiva, Luciana comentou que é preciso que as pessoas quebrem o tabu e procurem um profissional da área de saúde mental para iniciar um processo terapêutico.

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube