Fechar

logo

Fechar

Presidente da CPI dos Combustíveis de Campina Grande cobra relatório final

Da Redação*. Publicado em 24 de janeiro de 2020 às 8:21.

O vereador Alexandre do Sindicato, presidente da CPI dos Combustíveis, comentou a demora da entrega do relatório final com o resultado dos depoimentos colhidos, durante seis meses, na Câmara Municipal de Campina Grande.

Foram ouvidos empresários, segmento público, além de representantes de marcas de combustíveis e, de acordo com Alexandre, as oitivas derrubaram o que o representante dos donos de postos dizia a respeito do preço do combustível em Campina Grande, negando um alinhamento de preços.

O Programa de Proteção e Defesa do Consumidor do Ministério Público da Paraíba (MP-Procon) também realizou levantamento e autuou 42 postos de combustíveis, após constatar possível prática de cartel na cidade.

Foto: Paraibaonline

Foto: Paraibaonline

– Fizemos um trabalho muito sério e eficaz e, dentro de nossa realidade, desconstruímos todas as argumentações impostas durante muitos anos, pelos representantes dos postos de combustíveis da cidade. Quanto ao relatório, este depende exclusivamente do relator, que é o vereador pastor Luciano Breno. Eu, enquanto presidente, não posso interferir. Ele tem esse compromisso e acredito que, na volta do recesso da Câmara, ele vai apresentar à sociedade campinense um relatório dentro do que ouvimos durante mais de seis meses – disse.

Alexandre ressaltou que todas as diligências e oitivas foram feitas e que não vê necessidade de passar mais 30 ou 60 dias para entregar o relatório.

– Acho que deve ser entregue até meados de fevereiro, porque a população precisa de uma satisfação – cobrou.

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube