Fechar

logo

Fechar

Chuvas: o milagre da natureza desabando sobre Campina Grande

Arimatéa Souza. Publicado em 21 de janeiro de 2020 às 17:59.

Foto: Reprodução/WhatsApp

Foto: João Pedro Maciel

Os campinenses e visitantes se ressentiam nos dias e semanas recentes de um calor intenso, crescente e em muitos casos insuportável.

Era a Rainha da Borborema, encravada na Serra da Borborema, vivenciando um clima pouco comum, na intensidade, à sua tradição, que igualmente é um dos seus cartões postais: temperatura amena, notadamente quando o sol se põe.

Os mais antigos traduzem o calor incessante como o prenúncio de chuvas em profusão.

Na tarde desta terça-feira, 21, de forma implacável, uma espécie de ´dilúvio´ desabou durante pouco mais de 1 hora sobre a cidade, deixando em seu rastro ruas e espaços públicos alagados, alguns momentaneamente intransitáveis, abatendo telhados de residências e de empreendimentos, mas igualmente propiciando uma certa sensação de alívio – e de felicidade.

É como se fosse a ´batida de ponto´ de um inverno que se insinua pelo menos razoável, para os paraibanos que habitam a região semiárida – Campina Grande no meio.

O desabar dessa chuva foi flagrado de forma magnífica e magistral por João Pedro Maciel, que trabalhava nos arredores da cidade quando vislumbrou a imagem desconcertante e fantástica.

Ele sentiu a necessidade, aguçada pela sensibilidade latente, de registrar no seu celular a foto que ilustra o início dessa matéria.

A João Pedro as reverências, pelo flagrante ímpar, e o agradecimento do PARAIBAONLINE por sua cessão.

Poucas vezes (ou até mesmo de forma pioneira) os campinenses e paraibanos puderam contemplar a cidade de uma angulação tão singular, emoldurando, juntamente com a natureza viva, um quadro inesquecível. Vaidade e bênção para qualquer olhar!

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube