Fechar

logo

Fechar

Operação Calvário: Prefeito diz que não deseja o mal a seus adversários políticos

Da Redação de João Pessoa (Hacéldama Borba). Publicado em 19 de dezembro de 2019 às 12:57.

“Eu não desejo mal a ninguém!” Foi o que declarou o prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo, sobre os resultados da Operação Calvário, que desmontou todo o esquema de corrupção no Estado da Paraíba decorrente da gestão do ex-governador Ricardo Coutinho (PSB), gerando a prisão de vários auxiliares e agentes públicos ligados ao grupo do socialista.

O prefeito disse ainda que não faz política no campo pessoal e nem vai ficar adjetivando seja lá quem for, especulando os fatos sobre a vida dos seus adversários políticos, até porque nunca quis o mal de ninguém.

Foto: Paraibaonline

Foto: Paraibaonline

“Eu vou continuar fazendo o que eu preciso fazer: trabalhar pela cidade de João Pessoa. Essa questão da Operação Calvário quem tem que fazer, e está fazendo, é o Ministério Público e a Justiça. Eu tenho mais é que trabalhar pela cidade”, ressaltou.

Sobre o processo eleitoral de 2020, uma vez que os fatos da Operação Calvário impactaram em vários cenários da política paraibana, Cartaxo repetiu a sua tese de falar de eleições somente no ano das eleições, ou seja, somente em 2020, quando tratará da sucessão municipal e da reforma do seu secretariado, uma vez que muitos dos seus auxiliares disputarão algum cargo no pleito das eleições municipais.

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube