Fechar

logo

Fechar

Novo cidadão campinense: “Vou carregar esse momento por toda minha vida”

Da Redação. Publicado em 15 de dezembro de 2019 às 9:25.

Foto: Ascom

Foto: Ascom

Na última quarta-feira, o Poder Legislativo conferiu a cidadania campinense ao professor, advogado e cientista político Aécio de Melo Filho, por iniciativa do vereador Olímpio Oliveira (MDB).

“Aécio é um homem refinado, mas um homem simples. Um jovem que já chamava a atenção há muito tempo, e que tem um fã clube”, justificou Olímpio.

Ainda conforme o edil, Campina, a ´Rainha da Borborema´, “se faz mais majestosa por ter sido escolhida por esse novo filho”.

Presente, o secretário de Desenvolvimento Econômico do Estado (e prefeitável pelo PDT) Gustavo Feliciano disse que vivenciava “um momento memorável: um jovem recifense, brilhante; um apaixonado pelo direito, que chegou à (Faculdade) Unesc com a empolgação de um jovem advogado”.

O advogado Breno Wanderley assinalou os 11 anos de amizade com o homenageado: “Uma grande amizade, que só o cosmos é capaz de explicar”.

“Tenho o orgulho de ser escolhido para ser o seu amigo”, acrescentou.

Para o ex-deputado Bruno Cunha Lima, “é uma justíssima homenagem. Quero dizer do meu orgulho de ser seu amigo. Você enriquece as pessoas com as quais você convive”.

E emendou: “É impossível com você e não se tornar um alguém melhor”.

Foto: Ascom

Foto: Ascom

Por fim, Bruno disse que Aécio “não é apenas um professor de direito, mas alguém que cumpre a função de mestre”.

Em nome dos alunos de Aécio falou Herbert Targino Filho (neto do ex-vereador campinense José Sobreira Targino e filho do procurador de justiça Herbert Targino): “Aécio é uma pessoa que eu admiro muito. Tenho um sentimento de gratidão por tê-lo como mestre a amigo”.

Ex-aluno de Aécio, o vereador Galego do Leite (Podemos) registrou que voltou aos bancos escolares após uma paralisação de 20 anos.

“E aprendi muito com o senhor. Aécio é mais do que merecedor (da cidadania). É um exemplo de ser humano. Tem humildade e educação com todos, indistintamente. Levarei os seus ensinamentos para o resto da vida”.

“Eu vou carregar esse momento por toda minha vida, com fortíssima emoção e lembrança”, proclamou o novo cidadão campinense no começo de seu discurso de agradecimento.

Ao falar sobre sua cidade natal (Recife) e Campina, qualificou-as como “minhas terras e os meus dois ventres”.

“A Chapada da Borborema me arrastou como um grande ímã”, reforçou.

Aécio, ao passar em revista a sua vida, verbalizou a sua condição de militar reformado: “Ao Exército tudo devo”.

“Nesta terra de bravos tropeiros, busquei pousada. E achei (…) Quem bebe da água do açude de Boqueirão não sai mais daqui”, verbalizou o homenageado, entre lágrimas.

Foto: Ascom

Foto: Ascom

Aos presentes, após pontuar as adversidades que enfrentou em sua trajetória pessoal e acadêmica, Aécio acentuou que recebia naquele momento “a mais marcante honraria que recebi na minha vida”.

Na parte final de seu pronunciamento, outra referência emocionada a Campina: “Ela é diferente em tudo. Aqui temos uma visão diferenciada da vida. Obrigado minha Rainha da Borborema!”

*com informações da coluna Aparte, assinada pelo jornalista Arimatéa Souza

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube