Fechar

logo

Fechar

Justiça condena vereador de Campina Grande no âmbito da Operação Famintos

Da Redação. Publicado em 19 de dezembro de 2019 às 16:40.

Foto: Ascom

Foto: Ascom

Na tarde desta quinta-feira (19), a 4ª Vara da Justiça Federal publicou a primeira sentença oriunda da Operação Famintos, que investiga fraudes em licitações e desvios de recursos públicos da merenda escolar em Campina Grande.

O vereador Renan Maracajá foi condenado a 36 anos de prisão, juntamente com mais 15 denunciados pelo MPF.

Lista dos condenados:

Renan Maracajá – 36 anos

Frederico de Brito Lira – 161 anos

Severino Roberto – 72 anos

Angelo Felizardo – 18 anos

André Lacet – 5 anos

Pablo Allysson – 16 anos

Liselício Silva – 14 anos

Severino França – 16 anos

Luiz Carlos – 14 anos

Flavio Souza Maia – 47 anos

Kátia Suênia – 5 anos

Rosildo de Lima – 12 anos

Renato Faustino – 12 anos

Arnóbio Domingos – 5 anos

Marco Antônio Querino – 47 anos

Josivan Silva – 13 anos

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube