Fechar

logo

Fechar

Celebração de Natal leva esperança e alegria a crianças internadas no HULW

Da Redação com Ascom. Publicado em 21 de dezembro de 2019 às 8:23.

Foto: Ascom

Foto: Ascom

João Lucas tem 5 anos e é portador de Atrofia Muscular Espinhal. Internado no Hospital Universitário Lauro Wanderley (HULW-UFPB/Ebserh) há vários anos, ele participou na última quarta-feira (18) de uma celebração especial que levou o espírito natalino para dentro da instituição.

No saguão de entrada do 4º andar, um cenário diferente chamava a atenção: o ambiente havia ganhado novos ares para a realização do “Natal da Brinquedoteca”. Tudo feito com muito carinho pelas mãos habilidosas da equipe.

A iniciativa, que contou com apoio e doações de diversas pessoas, buscou proporcionar às crianças internadas no HULW-UFPB, como João Lucas, um pouco da magia do Natal.

“Mesmo ele não utilizando a linguagem falada, sabemos que está gostando. A expressão com o que João Lucas vivencia, muda. Como ele não pode se expressar por palavras, percebemos alterações no monitor, o rosto fica ruborizado”, explica a enfermeira Daniela Karina Antão, que coordena as atividades da brinquedoteca.

“Achei tudo lindo! As meninas fazem um trabalho brilhante e isso é muito motivador, tanto para as crianças quanto para os acompanhantes em si”, afirma Sonali Rodrigues, mãe de João Lucas. Pela longa permanência do filho no HULW, mais de cinco anos, ela já acompanhou outras atividades festivas realizadas pela equipe do hospital e aprova a ideia.

“É gratificante saber que tudo é feito com muito amor. Traz um pouco da vida que existe lá fora. Muda o dia a dia do meu filho e proporciona alegria”, complementa.

Daniela Karina Antão lembrou que a brinquedoteca sempre realiza festividades nas datas comemorativas mais tradicionais, mas essa época do ano recebe atenção redobrada.

“O Natal é um momento muito especial, porque a gente celebra o nascimento de Jesus e também porque, para as crianças hospitalizadas e os acompanhantes, é um momento de renascimento, de reconstrução, de vida e comemoração. Assim, a gente não deixa que aquele período de internação seja marcado apenas pelo que é relativo à doença”, diz.

Foto: Ascom

Foto: Ascom

DIA DE FESTA

A brinquedoteca do HULW atende a um vasto público. Na celebração de Natal, foram contempladas as crianças internadas nas unidades da Clínica Pediátrica, Doenças Infectoparasitárias (DIP) e Unidade de Terapia Intensiva Pediátrica.

Iniciada por volta das 14h, a festividade incluiu distribuição de presentes para as crianças e de panetone para as mães, além de um lanche para todos os participantes. Um momento especial foi a apresentação de um quinteto de cordas formado por adolescentes do bairro Alto do Mateus, como parte do projeto Ação Social Pela Música, que é mantido pela Prefeitura Municipal de João Pessoa.

Esta foi a primeira vez que os adolescentes mostraram seu talento no HULW.

“E eles gostaram da experiência. Essa apresentação no hospital é interessante porque a música traz um pouco de esperança também. É legal sair distribuindo felicidade, alegria e esperança para quem precisa”, declara o músico Everton Praxedes, que é professor de violino.

Ele lembra que, além do Alto do Mateus, o projeto Ação Social pela Música tem unidades em Mangabeira, Gervásio Maia e Bairro dos Novaes.

Sobre a Ebserh

O HULW-UFPB integra a Rede Ebserh desde dezembro de 2013. Vinculada ao Ministério da Educação (MEC), a Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh) foi criada em 2011 e, atualmente, administra 40 hospitais universitários federais, apoiando e impulsionando suas atividades por meio de uma gestão de excelência.

Como hospitais vinculados a universidades federais, essas unidades têm características específicas: atendem pacientes do Sistema Único de Saúde (SUS), e, principalmente, apoiam a formação de profissionais de saúde e o desenvolvimento de pesquisas.

Devido a essa natureza educacional, a os hospitais universitários são campos de formação de profissionais de saúde. Com isso, a Rede Ebserh atua de forma complementar ao SUS, não sendo responsável pela totalidade dos atendimentos de saúde do país.

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube