Fechar

logo

Fechar

Bispo de Campina Grande: “Mergulhemos, em cheio, na essencialidade do Natal”

Da Redação com Pascom. Publicado em 25 de dezembro de 2019 às 20:35.

Foto: Pascom/CG

Foto: Pascom/CG

“Um menino nasceu para nós: um filho nos foi dado! O poder repousa nos seus ombros. Ele será chamado mensageiro do conselho de Deus”. 

Desse modo rezava a antífona da Missa deste dia 25, e a partir desta verdade o bispo diocesano de Campina Grande, Dom Dulcênio Fontes de Matos refletiu sobre os mistérios da salvação expressos na vinda do Filho de Deus. 

A solene Missa de Natal realizada na manhã desta quarta (25) na Catedral Diocesana reuniu grande quantidade de fiéis que celebraram o Natal do Nosso Senhor, em Missa presidida pelo Bispo e concelebrada pelo Vigário Geral, o Padre Luciano Guedes.

O Bispo desenvolveu sua homilia trabalhando os seguintes pontos: a contemplação do Amor de Deus à humanidade traduzida em seu filho; depois, a contemplação da divindade de Jesus; e, por fim, refletiu sobre o grande sentido da festa de Natal. 

Foto: Pascom/CG

Foto: Pascom/CG

“A solenidade do Natal do Senhor é a festa da dignidade das naturezas: a divina, que se digna em assumir a humana; e a do homem, que é alçada à altíssima dignidade divina, ao tempo em que a almejamos”, disse o Bispo.

Adiante, Dom Dulcênio ainda destacou que Jesus Cristo Verbo encarnado é a inteligência de Deus que permite a todos contemplar a sua glória. 

“O Verbo é verdadeiramente a inteligência de Deus que, ao entrar no mundo, se manifestou como o servo de Deus’. Então, hoje, vemos, igualmente, Aquele que era escondido – e, por isto Separado, Santo, tornar-se visível, porque “a Palavra se fez carne e habitou entre nós. E Nós contemplamos a sua glória” (Jo 1,14)”, refletiu o pastor diocesano.

Foto: Pascom/CG

Foto: Pascom/CG

Por fim, o Bispo concluiu sua reflexão pedindo aos seus diocesanos que mirassem os olhos na essencial mensagem que o Natal quer transmitir. 

“Com o olhar do coração de Maria, que tudo guardava em seu interior, não nos distraiamos com o acidental, com o que é acessório, mas mergulhemos, em cheio, na essencialidade do Natal do Salvador”, finalizou.

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube