Fechar

logo

Fechar

Aids: saiba os principais sintomas e como tratar esta doença

Da Redação*. Publicado em 6 de dezembro de 2019 às 9:46.

Em 1987, a Organização das Nações Unidas (ONU) criou a Campanha Dezembro Vermelho, que tem como objetivo conscientizar a população sobre sintomas, formas de contágio e prevenção da Aids.

O HIV é a sigla em inglês do vírus da imunodeficiência humana, que causa a Aids. Ele ataca o sistema imunológico, que é responsável por defender o organismo de doenças.

Foto: Agência Brasil

Foto: Agência Brasil

Durante entrevista concedida a uma emissora de rádio nessa quinta-feira (5), o infectologista Rodolfo Dantas destacou que houve mudanças no perfil do diagnóstico de pessoas com Aids.

– Começou como uma doença que praticamente não tinha cura e nem tratamento. Passou a ser uma doença onde o tratamento era com muitos efeitos colaterais e hoje é uma doença sem efeitos colaterais o tratamento. As pessoas conseguem um nível de qualidade de vida excelente. Antes descobria a pessoa doente já em fases muito avançadas, hoje em dia é muito comum receber essas pessoas ainda com a imunidade preservada – explicou.

Além disso, Dantas destacou que  atualmente o grande desafio é diagnosticar pacientes com a doença.

O vírus do HIV pode ser transmitido através de relações sexuais sem proteção, compartilhamento de seringas contaminadas e de mãe para filho durante a gestação ou amamentação.

Os principais sintomas da Aids são febre persistente, tosse seca prolongada, suores noturnos, dor de cabeça, dor nos músculos e nas articulações, cansaço, rápida perda de peso, candidíase oral ou genital, diarreia por mais de um mês, náuseas, vômitos, manchas avermelhadas ou pequenas bolinhas vermelhas na pele.

Para prevenir a doença é necessário utilizar seringas e agulhas descartáveis, usar preservativo durante as relações sexuais e, durante a gestação, as mães contaminadas pelo vírus devem usar antirretrovirais.

A Aids não tem cura. O tratamento pode ser feito com um coquetel com diferentes remédios antirretrovirais. Se o paciente contaminado com HIV não fizer tratamento pode falecer.

Em Campina Grande, as pessoas que se identificam com os sintomas da doença podem fazer o exame que diagnostica a Aids na Praça da Bandeira, das 8h às 11h30 e 14h às 16h30, nesta sexta-feira (6). O resultado do exame é liberado em 30 minutos.

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube