Fechar

logo

Fechar

Efeitos de negociações nacionais do PDT com o PSB na política da Paraíba

Da Redação. Publicado em 21 de novembro de 2019 às 21:15.

Em nível nacional, as direções nacionais do PSB (Carlos Siqueira) e do PDT (Carlos Lupi) retomaram os contatos visando a reaproximação entre as duas legendas para os próximos embates eleitorais.

O ponto de convergência para essa iniciativa foi o fato de o ex-presidente Lula ter avisado – renovadamente – desde que deixou a prisão que o PT não abrirá mão de seu protagonismo nos pleitos que se avizinham.

O ex-presidente disse que o PT “tem mesmo é que polarizar” com o presidente Bolsonaro.

Noutra oportunidade, Lula afirmou que “o PT não nasceu para ser um partido de apoio. Nós vamos lançar candidaturas em todas as cidades que for possível”.

“O PT polarizou em 1989, 94, 98, 2002, 2006, 2010, 2014 e 2018, e vai polarizar em 2022”, grifou Lula.

Se o leitor se permitir um rápido e descompromissado raciocínio em direção ao sempre insondável futuro, pode modelar um cenário no qual esse ´namoro´ do PDT com o PSB vira ´noivado´.

Estadualizando isso, eleva-se – como possibilidade – a chance de João Azevedo permanecer no PSB e Ricardo Coutinho (triunfalmente) retornar ao seu ´berço´ político: o PT.

* Com informações da coluna Aparte, assinada pelo jornalista Arimatéa Souza no paraibaonline.com.br

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube