Quantcast

Fechar

logo

Fechar

Deputado governista quer que governo responda aos questionamentos da oposição

Da Redação de João Pessoa (Hacéldama Borba). Publicado em 10 de outubro de 2019 às 8:03.

“Quem não deve, não teme”. Foi como reagiu o deputado da base governista Trócolli Júnior ao ser indagado pela imprensa sobre a Operação Calvário, que prendeu na manhã dessa quarta-feira (9), mais um auxiliar do governo do Estado advindo da gestão de Ricardo Coutinho (PSB) e a possibilidade da ida ao Legislativo do secretário de Educação, Aléssio Trindade, alvo de um mandado de busca e apreensão expedido pelo Ministério Público.

Para o deputado, qualquer secretário é sempre bem-vindo ao Legislativo para prestar contas e fazer os devidos esclarecimentos, como fez o secretário de Saúde, Geraldo Medeiros.

“Ele deu um show de bola aqui, e qualquer um pode vir à Assembleia e tirar as dúvidas dos deputados de oposição e situação. A meu ver, quando se faz isso, a administração fica mais transparente e mais leve”, enfatizou.

Foto: Paraibaonline

Foto: Paraibaonline

Contudo, Trócolli afirmou que isso cabe somente ao governo decidir sobre a liberação do secretário de Educação. Ele acredita que não vai ter nenhuma dificuldade nesse sentido por parte de João Azevêdo. “É natural que o governo queira dar suas explicações”, atestou.

Para ele, a operação deve continuar e quem tiver implicado em alguma irregularidade que pague pelo que fez. “O governo de João não tem responsabilidade de atitudes anteriores de auxiliares. Na minha opinião, o governo tem que fazer as substituições necessárias e continuar trabalhando, produzindo para buscar a melhoria da qualidade de vida do povo paraibano”, destacou.

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube