Quantcast

Fechar

logo

Fechar

Campanha de vacinação contra sarampo em João Pessoa é iniciada nesta segunda

Da Redação com Secom/JP. Publicado em 7 de outubro de 2019 às 7:53.

A Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP) começa a Campanha Nacional de Vacinação contra o Sarampo a partir desta segunda-feira (7).  A campanha segue até 25 de outubro, sendo o dia 19 o dia de mobilização nacional.

Foto: Secom/JP

Foto: Secom/JP

A vacina tríplice viral, que também protege contra caxumba e rubéola, estará disponível em todos as Unidades de Saúde da Família (USF), Policlínicas Municipais e no Centro Municipal de Imunizações (Torre). Inicialmente, o foco é nas crianças de seis meses a menores de cinco anos.

“O público-alvo da campanha deve ser levado aos postos de saúde com o cartão de vacina, para que um profissional verifique a necessidade de aplicação da dose”, ressalta o chefe de Imunização de João Pessoa, Fernando Virgolino.

Foto: Secom/JP

Foto: Secom/JP

“O foco, neste momento, são as crianças por serem mais vulneráveis às complicações decorrentes do sarampo. Há um esforço de criarmos uma barreira sanitária, pois já chega a 17 o número de estados com transmissão ativa”, completou.

De acordo com o boletim epidemiológico divulgado em setembro pelo Ministério da Saúde (MS), foram confirmados 5.346 casos de sarampo no Brasil. A maior parte dos diagnósticos está concentrada em 153 municípios de São Paulo (97,5%), principalmente na região metropolitana. Em João Pessoa, são 80 casos notificados, destes, quatro já foram confirmados para o sarampo.

“A meta mínima a ser alcançada na campanha corresponde a 95% do público-alvo, além da atualização de crianças em situação de atraso vacinal”.

As crianças de seis meses a 11 meses devem tomar a chamada ‘dose zero’. Com 12 meses, a criança irá tomar a tríplice viral e com 15 meses, a tetra viral. Crianças menores de cinco anos (quatro anos 11 meses e 29 dias), terão o cartão de vacinas atualizado e será ofertado a vacina conforme situação vacinal encontrada. Caso a pessoa comprove as duas doses, não é necessário tomar nenhuma a mais, já sendo considerada imunizada.

Os sintomas iniciais de sarampo são febre acompanhada de tosse persistente, irritação ocular, coriza e congestão nasal e mal-estar intenso. Após estes sintomas, há o aparecimento de manchas avermelhadas no rosto, que progridem em direção aos pés, com duração mínima de três dias. São comuns lesões muito dolorosas na boca.

A doença pode ser grave, com acometimento do sistema nervoso central e pode complicar com infecções secundárias como pneumonia, podendo levar à morte. As complicações atingem mais gravemente os desnutridos, os recém-nascidos, as gestantes e as pessoas com imunodeficiências.

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube