Quantcast

Fechar

logo

Fechar

Feira de Negócios Criativos tem programação gratuita para música e audiovisual

Da Redação com Ascom. Publicado em 18 de setembro de 2019 às 12:29.

Dois dias para discutir exclusivamente a música enquanto negócio criativo, mais dois dias dedicados ao audiovisual e, o melhor: todas as atividades serão gratuitas. Esta é a proposta da programação específica para os segmentos da música e do cinema/audiovisual da Feira Internacional de Negócios Criativos e Colaborativos (Fincc) 2019, que será realizada de 25 a 28 deste mês no Espaço Cultural, das 14h às 21h. As inscrições para as oficinas criativas e palestras técnicas podem ser efetuadas por meio da página do evento na internet, pelo link: https://fincc.com.br/.

De acordo com o analista técnico do Sebrae Paraíba, Fábio Jorge, que montou a programação da feira para a música e o audiovisual, os convidados para discutirem os segmentos são voluntários e foram escolhidos por poderem trazer suas experiências para os artistas e produtores locais. Em relação à música, o foco será o novo cenário com o mundo digital. Já o audiovisual vai focar as discussões em perspectivas para o futuro do cinema no país.

“Eu toco há muito tempo e percebo que estamos atrasados umas duas décadas em relação à produção audiovisual. A música se preocupa, pelo que senti até agora, em ganhar dinheiro imediato, com cachê, por exemplo. Já o pessoal de audiovisual está com a visão mais voltada à questão das políticas públicas e o futuro”, destacou Fábio Jorge.

Nos dias 25 e 26, a programação vai focar no cinema, com destaque para o Workshop “Semente cinematográfica”, que vai discutir o fazer cinema na escola, com os especialistas na área de Educação e Cinema, Ana Bárbara Ramos e Felipe Barquete Leal; o talkshow “Políticas públicas para o audiovisual – perspectivas presentes e investimentos futuros”, que terá como debatedores o ator Buda Lira, o roteirista e diretor Paulo Roberto, a deputada Estela Bezerra, a diretora Carine Fiúza e o cineasta paraibano Rodolpho Barros; e uma palestra máster de “Técnicas de pitching e apresentação de projetos para a economia criativa e outros mercados”, com o diretor Victor Lopes.

Por sua vez, nos dias 27 e 28, a música será o segmento focado, com discussões sobre “O ano do podcast”, com os podcasters Fernanda Eggers, Marcelo Soares e Luiz Felipe Santos; uma palestra máster sobre “Inovação e diferenciais competitivos na produção de eventos”, com o empreendedor cultural Henrique Rocha; e “Empreendendorismo: Como a produção musical deve ser encarada no momento atual do Brasil”, um talkshow com o jornalista Leonardo Panço, o dono da gravadora de rock alternativo Hearts Bleed Blue (HBB), Antônio Augusto, e o criador do Festival Abril Pro Rock, Paulo André.

A programação da Fincc 2019 vai contar, ainda, com um total de 22 palestras que vão abordar as mais variadas temáticas, com destaque para “Moda além da roupa”, com o estilista Ronaldo Fraga; “O futuro do trabalho e os negócios criativos”, com a pesquisadora Datise Biasi; “Como aumentar em 500% a visitação a museus”, com a gestora cultural italiana Marta Perez Soria; e “Inovação e criatividade – estratégias para o futuro das cidades”, com o mexicano diretor da Winn Innovation, Jorge Gomez Abrams.

Em relação às oficinas criativas, serão realizadas 12 durante os quatro dias de feira. Dentre as programadas, estão “Pitch 4D: Apresente e venda seu produto criativo”, com a instrutora Patrízia Bittencourt; “Inovação artesanal – O processo de inovar artesanalmente”, com o especialista Romero Sousa; “Workshop Diversidade e empatia”, com a co-founder da primeira aceleradora de ideias e negócios de mulheres, no Brasil, a Be.labs, Marcela Fujiy; “Planejamento estratégico para negócios de Moda”, com a especialista Luziane Lima; e “O mundo do + ‘O valor do Design'”, com Frederico Hess. A feira vai contar com fones de ouvido com tradução simultânea para os palestrantes e oficineiros estrangeiros.

A Fincc 2019 tem a proposta de promover a comercialização e a abertura de novos mercados, com oportunidade de networking nacional e internacional e estímulo a negócios inseridos nos segmentos da economia criativa. Para isso, vai promover espaços para o networking, palestras técnicas, oficinas criativas, mentoria de negócios, caravanas empresariais e rodadas de negócios.

“Será uma oportunidade única para discutir, com profissionais do Brasil e do exterior, o futuro dos negócios criativos e como fortalecer o setor no país”, afirmou a gestora de Turismo e Economia Criativa do Sebrae Paraíba, Regina Amorim. A feira também terá exposição e vendas de produtos relacionados aos segmentos da economia criativa, como artesanato e arte popular, artes visuais, audiovisual/cinema, design (gráfico, de moda e de interiores), música, gastronomia, teatro, literatura, websites, arquitetura, moda, museus, comunicação e startups.

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube