Quantcast

Fechar

logo

Fechar

Denúncia sobre superfaturamento na compra do Acauã 2 é acatada pelo MPPB

Da Redação*. Publicado em 18 de setembro de 2019 às 8:44.

O deputado estadual Cabo Gilberto denunciou na tribuna da Assembleia Legislativa da Paraíba, e esta foi acatada pelo Ministério Público Estadual, que a compra do helicóptero Acauã 2 teria sido, supostamente, superfaturada.

O deputado disse, durante entrevista à Rádio Campina FM, que este modelo de aeronave é o mesmo comprado pela Secretaria de Segurança Pública do Rio de Janeiro. Lá, segundo ele, o helicóptero teria sido comprado ao valor de R$ 15 milhões, e aqui na Paraíba, por R$ 17 milhões.

Foto: Paraibaonline

Foto: Paraibaonline

Gilberto disse que tem provas assinadas pelo próprio governo dando conta da compra e do valor.

– Denunciamos na tribuna e comprovamos o superfaturamento, com os documentos do Estado, de que este adquiriu a aeronave bem mais cara do que a de mesmo modelo comprada pelo Rio de Janeiro. Tivemos todo o cuidado de pegar toda essa documentação e mostramos que o estado da Paraíba lesou os cofres públicos quando adquiriu a aeronave, sem estar completa e também sendo bem mais cara – disse.

As críticas não pararam por aí. Cabo Gilberto disse ainda que possivelmente houve fraude na compra e que a ex-secretária de Administração, Livânia Farias, e o ex-assessor Leandro Azevedo Nunes assinaram a aquisição da aeronave. Eles são acusados no âmbito da Operação Calvário.

– Observamos que teve fraude nessas compras de helicópteros e vamos denunciar tudo. Livânia assinou, com participação de Leandro Nunes, e mostra que tem esquema de corrupção. O Ministério Público acatou a denúncia e vai investigar – ressaltou.

O deputado ainda comentou que deve realizar outras denúncias a respeito dos uniformes da PM, sobre a PBGás e outras.

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube