Quantcast

Fechar

logo

Fechar

Adriano amplia as críticas ao ex-governador Ricardo Coutinho

Da Redação. Publicado em 11 de setembro de 2019 às 19:17.

Diante da crise instaurada no ‘jardim dos girassóis’, agravada após Edvaldo Rosas ter sido retirado de seu posto na presidência do PSB Estadual por uma intervenção do diretório nacional, o presidente da ALPB, Adriano Galdino (PSB), afirmou, em entrevista à Correio FM, não enxergar mais possibilidades de pacificação no partido.

De acordo com o deputado, ele acredita que, daqui para frente, cada um deve marchar no seu rumo. Segundo ele, já que a direção nacional optou por Ricardo Coutinho (PSB), João Azevedo (PSB) e seu agrupamento político, formado por pessoas que o seguem dentro do partido, devem sair do PSB para outra agremiação política.

Adriano reforçou também que, em conversa com o governador da Paraíba, ele mostrou estar bastante decepcionado e chateado, não por Ricardo mostrar interesse em ser presidente do PSB, mas sim pela forma que ele conduziu tudo para chegar lá.

– Chegou, de certa forma, constrangendo amigos; fazendo pessoas assinarem uma lista que nem sabiam o que significava; humilhando Edvaldo Rosas, que é uma pessoa de sua total confiança; constrangendo o governador. Então, o método utilizado não foi correto, o método de tratorar, de passar por cima – completou.

Além de repudiar o caminho trilhado pelo ex-governador à presidência da legenda, e considerar antidemocrático, o presidente da ALPB disse também que o atual governador tem sido muito correto com Ricardo, principalmente, se observado que quando ele assumiu o cargo, deixou, praticamente, 99% do mesmo secretariado e demais funcionários.

– A gestão basicamente foi a mesma, em termos de pessoas, e isso mostra a lealdade, o compromisso de João [Azevedo] com o projeto do PSB, com a continuidade. João deu diversos gestos de lealdade, de humildade, de diálogo, de compromisso com o partido, de compromisso com o projeto do PSB. Nada disso valeu. Tudo isso o ex-governador não considerou e achou por bem utilizar o método de tratorar a legenda para conseguir seus objetivos e isso o governador não aceita e nem os demais companheiros de partido – concluiu.

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube